Vinho branco - da colheita ao preparo, detalhes que você vai adorar

Publicado em:

Vinho branco - da colheita ao preparo, detalhes que você vai adorar

Vivemos em um país tropical, onde faz muito calor na maior parte do ano na maior parte do seu território. Portanto, vinhos tintos nem sempre são uma boa pedida (embora há tintos que combinem muito bem com o calor, como os da variedade Pinot Noir e Gamay). Há uma grande variedade de vinhos brancos para todo tipo de prato e até aqueles que harmonizam com carne vermelha.

E muitos falam erroneamente que o vinho branco não faz tão bem a saúde quanto o tinto. Embora não tenha a alta taxa de resveratrol (um composto antioxidante e que combate doenças cardiovasculares) como tem os vinhos tintos, as substâncias contidas nos vinhos brancos combatem a incidência de doenças como artrite reumática e osteoporose.

Processo de elaboração do vinho branco

Fazer vinho branco é bastante simples em conceito. Um enólogo pega algumas uvas recém-colhidas, pressiona o suco delas, fermenta esse suco usando fermento, deixa-o amadurecer e depois engarrafa o vinho. Na realidade, o processo dá voltas e reviravoltas em cada estágio, mesmo que o suco de uva e o fermento sejam os únicos ingredientes necessários.

Como as uvas para vinho brancas são colhidas

Vinho branco - da colheita ao preparo, detalhes que você vai adorar - Colheita
Fonte: Media Space

A frescura é vital para fazer um vinho branco de qualidade. Assim que uma equipe colhe as uvas das videiras, a corrida começa. Normalmente, a colheita ocorre no início da manhã, quando as uvas são frescas em função do ar noturno. As plataformas móveis de iluminação, em alguns casos, criam um espaço iluminado artificialmente nas videiras para que os trabalhadores possam fazer seu trabalho antes mesmo do nascer do sol.

As uvas são entregues rapidamente à vinícola em caixotes, reboques ou em caminhões. Eles são pressionados em questão de horas para tirar o suco e a polpa das peles. Cachos inteiros passam por uma máquina desengordurante geralmente para separar as uvas dos caules. A máquina serve também para abrir as uvas suavemente antes de pressionar. Qualquer suco que é criado nos estágios anteriores à impressão é conhecido como execução livre. Os produtores de vinho que buscam produzir um vinho branco mais clássico, e geralmente com preços mais altos, depositam os cachos na prensa.

Como eles pressionam as uvas?

Vinho branco - da colheita ao preparo, detalhes que você vai adorar - Prensando as uvas
Fonte: Wine Folly

Prensas de vinho vêm em várias formas e tamanhos. A prensa clássica para cesto de madeira (ou aço) empurra as uvas para extrair o suco das peles, que são deixadas para trás para serem compostadas. Uma prensa de bexiga funciona como um balão inflado dentro de um tanque. A pressão força as uvas para os lados, onde o suco é empurrado através das telas.

Nesta fase, muitos produtores de vinho adicionam gás dióxido de enxofre ou metabissulfito de potássio para neutralizar quaisquer micróbios deteriorados e leveduras nativas nas uvas. Também evita que o suco absorva muito oxigênio. Outros produtores de vinho evitam isso até que o suco seja fermentado.

Uma vez que o suco está livre das peles, o produtor de vinho bombeia-o para um tanque refrigerado para deixá-lo descansar por pelo menos algumas horas. Pedaços de peles, caules e outros detritos caem para o fundo, de modo que o suco parcialmente clarificado no topo possa ser removido ou “transportado” para outro tanque ou barril. Agora o suco está pronto para a fermentação.

Fermentação de vinho branco

A fermentação não é mágica, mas pode parecer. Após a adição do fermento, o suco descansa por um dia ou mais. Ele começará a espumar, aquecer a temperatura e exalar vapores de frutas potentes e dióxido de carbono vertiginoso. Parece alquimia, mas é realmente bioquímica.

Quando o fermento se conecta com o suco de uva doce, converte açúcar em álcool, consome oxigênio e produz dióxido de carbono e calor. O enólogo orienta o processo aquecendo, esfriando, mexendo, aerando e, às vezes, alimentando o fermento até que a maior parte ou todo o açúcar tenha se convertido em álcool.

Os laboratórios comerciais produzem dezenas de leveduras para os produtores de vinho escolherem, dependendo da variedade de uva e do tipo de vinho que desejam produzir.

Nem sempre é necessário adicionar fermento, no entanto. O fermento nativo já está presente em forma microscópica em praticamente todos os vinhedos e vinícolas. Essas pequenas células de levedura acordam quando expostas ao suco, começam a se alimentar do açúcar e se multiplicam.

A grande maioria dos vinhos brancos do mundo fermenta em tanques de aço inoxidável. Alguns, principalmente Chardonnay, podem fermentar em barris de carvalho. A fermentação em novos barris acrescenta sabor e textura significativos ao vinho branco. A fermentação em barris usados ​​ou neutros contribui principalmente para que o vinho tenha uma textura suave.

O que é fermentação malolática?

Vinho branco - da colheita ao preparo, detalhes que você vai adorar - Infográfico
Infográfico por Eric DeFreitas

Durante a fermentação da levedura ou o período de maturação, os produtores de vinho podem permitir ou impedir a fermentação malolática (ML). Em vez de fermento, são as bactérias que conduzem essa conversão no novo vinho. Ele transforma o ácido málico, que tem uma acidez verde semelhante a maçã, em mais ácido lático com sabor amanteigado.

Esta segunda fermentação é diferente da que ocorre com os vinhos espumantes.

Os produtores de vinho geralmente desejam o efeito ML em um rico Chardonnay ou Viognier, mas não em um Sauvignon Blanc ou Pinot Grigio crocante e picante.

O processo de maturação pode demorar apenas quatro meses para um branco fresco e claro ou dois anos e mais para alguns Borgonha brancos de reserva ou outros brancos dignos de nota.

Outra opção estilística é decidir manter o vinho branco sobre as borras, uma camada de levedura morta que se forma no fundo do tanque ou barril. As borras podem adicionar um aroma de pão fresco ao vinho e protegê-lo da oxidação. Quando agitadas periodicamente, as borras também podem contribuir para uma sensação bucal mais rica.

Os vinhos brancos são filtrados?

Durante este período, o enólogo esclarece o vinho por uma variedade de métodos. O mais simples é extrair o vinho de um barril para outro, deixando para trás sedimentos. Outro processo de filtragem é chamado de multa, que utiliza a adição de claras de ovos (albumina), ictiocola (uma espécie de “cola de peixe”, obtida da bexiga natatória dos peixes) ou bentonita (um tipo de argila) para clarear um vinho que parece nebuloso.

A maioria dos produtores de vinho comerciais também filtra seus vinhos brancos através de membranas com poros do tamanho de mícrons para finalizar o processo de clarificação e remover quaisquer micróbios que possam estragar o vinho na garrafa. Normalmente, o enólogo faz um ajuste final ao nível de dióxido de enxofre no vinho, que varia de menos de 10 partes por milhão (ppm) a um limite legal de 250 ppm nos vinhos dos EUA e 200 ppm nos vinhos europeus.

Engarrafamento de vinho branco

Vinho branco - da colheita ao preparo, detalhes que você vai adorar - Engarrafamento
Fonte: Snapper Rock Wine

Esses retoques finais devem ser feitos com muito cuidado para manter a qualidade. Isso ocorre porque o vinho é vulnerável quando viaja de um tanque para o destino final de uma garrafa, lata ou bolsa. Todo esse movimento pode expô-lo ao oxigênio, o que pode diminuir sua complexidade e roubar o seu caráter frutado.

No processo de engarrafamento altamente automatizado da maioria das grandes vinícolas, as garrafas são enchidas por uma máquina e, em seguida, prosseguem em um transportador para a próxima máquina, onde são seladas com uma cortiça ou um fecho sintético. Isso é seguido por uma cápsula de alumínio ou coberto com uma tampa de rosca. A próxima máquina afixa as etiquetas frontal e traseira antes de outra colocar as garrafas em caixas, prontas para envio e venda.

Abaixo, escolhemos dar uma descrição de seis variedades e estilos de vinhos que lhe darão uma ótima introdução ao mundo do vinho branco.

Chardonnay em carvalho

Chardonnay é o vinho branco mais popular do mundo, por isso é uma boa variedade para começar sua jornada pelo vinho branco. Mas Chardonnay tem alguns odiadores, especialmente aqueles que não gostam muito da versão caramelada, mas tente, porque você pode adorar. Aqueles que gostam de Chardonnay em carvalhos adoram os ricos sabores de baunilha do vinho e a sensação deliciosa, rica e geralmente mais redonda que o envelhecimento da madeira pode proporcionar. É devido a isso que você pode harmonizar um Chardonnay desse estilo com um bom bife de carne suína. Se você gosta desse estilo, provavelmente será fã de outros vinhos brancos que apreciam o carvalho, incluindo alguns bordeaux brancos, bem como Gruner Veltliner e Viognier. Se você não é um fã, é hora de tentar Chardonnay sem carvalho.

Chardonnay sem carvalho

São vinhos envelhecidos em aço inoxidável ou, às vezes, colocados por um curto período em carvalho neutro – o que significa que o barril de carvalho foi usado tantas vezes antes que não confere seu rico sabor de baunilha no vinho. Chardonnay sem carvalho – popularizado por Chablis na Borgonha – não tem nenhum desses sabores amanteigados de baunilha que você pode achar desagradável. Em vez disso, os aromas são de uma deliciosa maçã verde, limão e talvez até um pouco de abacaxi.

Sauvignon Blanc

Verão em um copo, este é um vinho que nasceu na França, mas realmente viu sua ascensão quando encontrou um novo lar na Nova Zelândia. Provavelmente, você conhece muitas pessoas que amam Sauvignon Blanc e adoram a versão da Nova Zelândia: cheira à grama cortada fresca com uma agradável acidez que é tão refrescante quanto um copo de limonada. Mas se você está procurando um vinho mais sutil, isso não é tão agressivo tanto em termos de acidez quanto de notas gramadas, vá para Sancerre para a versão mais refinada do vinho. Se você gosta de Sauvignon Blanc, sua próxima parada no expresso de vinho branco pode ser Vermentino ou Verdicchio da Itália ou Torrontes da Argentina.

Pinot Grigio

O vinho branco mais popular da Itália, Pinot Grigio, possui sabores refrescantes de limão, limão e maçã verde. Muitas vezes, muito seco – não doce – o vinho é ótimo com frutos do mar. Se você gosta de Pinot Grigio, tente também o Assyrtiko da Grécia ou Albariño da Espanha.

Riesling – Seco

Riesling é frequentemente considerado muito doce, mas, na verdade, alguns dos principais Riesling do mundo da Alemanha e da Alsácia estão secos. Para garantir um Riesling seco, pegue uma garrafa da Áustria – a mais seca de todas as regiões – da região da Alsácia na França ou encontre uma rotulada como Trocken, se for alemã. Esses vinhos têm sabores de limão, limão, abacaxi e damasco. Os amantes de Riesling adoram, mas não têm a doçura enjoativa; no entanto, se for doçura, o que você procura, Riesling também pode desempenhar esse papel para você.

Riesling – Doce

A Sweet Riesling também é fabricada na Alemanha e em partes dos EUA. A harmonização vai em direção a coisas doces como sobremesas. Se você é um fã de um Riesling doce, certamente vai adorar um Moscato ou um Gewürztraminer.

Abaixo, um guia completo de todas as uvas usadas nos vinhos brancos.

Leves e Secos

Estes vinhos são leves e secos, com um sabor fresco e limpo.

Albariño (uma especialidade do noroeste da Espanha)
Aligoté
Assyrtiko (uma especialidade da Grécia!)
Chablis (Chardonnay desamarrado de Borgonha, França!)
Chasselas (uma rara delícia da Suíça!)
Chenin Blanc (seco ou “sec”)
Cortese (também conhecido por “Gavi” da Itália!)
Friulano (também conhecido por Sauvignon Vert)
Garganega
Grenache Blanc (ou Garnacha Blanca)
Muscadet (também conhecido por Melon de Bourgogne)
Picpoul de Pinet
Pinot Blanc
Pinot Grigio (também conhecido por Pinot Gris)
Verdejo
Verdicchio
Xarel-lo (um achado raro da Catalunha, Espanha)
Loureiro

Herbáceo

Estes vinhos são tipicamente encorpados, com aromas “verdes” e ervas, como grama, jalapeño ou pimentão. Estes vinhos combinam excelentemente com saladas e pratos com ervas!

Erbaluce (um achado raro do Piemonte, Itália!)
Grüner Veltliner (uma especialidade austríaca)
Sancerre (um Sauvignon Blanc do Vale do Loire, França!)
Sauvignon Blanc
Vermentino
Vinho Verde (uma mistura branca de Portugal!)

Arrojado e seco

Estes vinhos vão surpreender sua cabeça com seu sabor intenso e uma nota cremosa de baunilha provocada pelo envelhecimento em carvalho.

Chardonnay
Marsanne (um achado raro da França e dos EUA)
Sémillon
Trebbiano (também conhecido por Ugni Blanc)
Viognier
Rioja branco

Leve e doce

Muitas vezes, com apenas um toque de açúcar residual (das uvas), esses vinhos são levemente doces e muito aromáticos.

Gewürztraminer
Müller-Thurgau
Moschofilero
Muscat Blanc (ou Moscato)
Riesling
Torrontés

Ousado e doce

Estes vinhos são muito doces e perfeitos para acompanhar sobremesas e, às vezes, chocolate.

Ice wine
Madeira
Malvasia
Sauternes
Sherry
Tokaji
Vin Santo
Porto Branco

Vinho branco, um sabor ideal para ares tropicais, ofertas abaixo:

 

O blend português

Pacheca Raízes Branco Douro DOC 2020:

Refrescante e cheio, com acidez marcante e final persistente; Produtor: Quinta da Pacheca; Teor alcoólico: 12,5%; Uvas: Códega e Moscatel Galego (vinho blend); Nariz: Notas intensas de frutas brancas e cítricas; Harmonização: Caldeirada de peixe, bacalhau à Brás, polvo à Lagareiro

Compre aqui

 


 

O blend chileno

Emiliana Adobe Gewürztraminer 2020:

Notas florais e frutadas de maçã, damasco e tangerina. Tem um bom volume e o seu final é saboroso e persistente, deixando uma agradável sensação de doçura e frutado; Produtor: Emiliana Organic Vineyards; Teor alcoólico: 13,5%; Uva: Gewürztraminer e Sauvignon Blanc (vinho blend); Nariz: Aromas florais de jasmim, com notas de ervas e lichia com notas de mel; Harmonização: Aves, entradas frias, peixes, petiscos, queijos leves, risotos

Compre aqui

 


 

O blend italiano

Tenuta SantAntonio Fontana D.O.C. Soave 2020:

Leve, frutado, fresco, delicado, cítrico; Produtor: Tenuta Sant’Antonio; Teor alcoólico: 12,5%; Uvas: Trebbiano di Soave e Garganega (vinho blend); Nariz: Frutas brancas frescas, frutas cítricas, floral, mineral; Harmonização: Sobrecoxa recheada com queijo, abará, moqueca de grão de bico

Compre aqui

 


 

O blend francês

Paul Fargadel Blanc:

Saboroso, refrescante, equilibrado e frutado; Produtor: Castel; Teor alcoólico: 11%; Uvas: Várias uvas (vinho blend); Nariz: Notas intensas e agradáveis de frutas e flores brancas; Harmonização: Ravióli de ricota com espinafre, tilápia assada com legumes, canapés de salpicão

Compre aqui

 


 

O Chardonnay argentino

Altivo Vineyard Selection Chardonnay 2019:

Corpo de leve para médio, boa acidez, frutado; Produtor: Finca Eugenio Bustos; Teor alcoólico: 13%; Uva: Chardonnay (vinho varietal); Nariz: Frutas amarelas frescas, nuances da madeira; Harmonização: Risoto caprese, galinhada, estrogonofe de bacalhau, espetinho de camarão, ravióli a camaresca, pizza quatro queijos

Compre aqui

 


 

O Chardonnay francês

Ropiteau Frères Les Plants Nobles Chardonnay 2020:

Leve, frutados com traços amadeirados, elegante, suculento, acidez agradável que lhe confere bom frescor; Produtor: Ropiteau Frères; Teor alcoólico: 12,5%; Uva: Chardonnay (vinho varietal); Nariz: Abacaxi, pera, pêssego, leve amadeirado, baunilha; Harmonização: Espaguete com manteiga de ervas, arroz de camarão, quiche lorraine, moqueca de legumes, crepe de frango com queijo

Compre aqui

 


 

O blend francês

Maison Bouachon Les Rabassières A.O.C Côtes-du-Rhône Blanc 2020:

Frutado, acidez agradável, boa presença em boca, cítrico; Produtor: Maison Bouachon; Teor alcoólico: 13%; Uvas: Clairette, Viognier e Grenache Blanc (vinho blend); Nariz: Pêssego, damasco, cítrico, floral; Harmonização: Camarão na manteiga, moqueca, arroz de polvo, quiche de alho poró com queijo brie

Compre aqui

 


 

O blend francês

Carmes de Rieussec Sauternes AOC 2012:

Redondo, cremoso, com notas frutadas e final expressivo e mineral; Produtor: Eleanor; Teor alcoólico: 13,5%; Uvas: Sémillon, Sauvignon Blanc e Muscadelle (vinho blend); Nariz: Notas florais, de acácia, pêra e damasco cristalizado; Harmonização: Queijos azuis, sobremesas com abacaxi ou creme brulée, quiche, foie gras

Compre aqui

 


 

O Chardonnay francês

Ropiteau Frères A.O.C. Mâcon-Villages Blanc 2020:

Leve, frutado com nuances minerais, acidez média, boa persistência; Produtor: Ropiteau Frères; Teor alcoólico: 13%; Uva: Chardonnay (vinho varietal); Nariz: Frutas cítricas como limão, frutas brancas como pera e melão, toques florais e herbáceos, sutis notas minerais; Harmonização: frango grelhado com legumes, arroz de mariscos, abobrinha recheada, saladas variadas e queijos moles

Compre aqui

 


 

O Falanghina italiano

Masseria Altemura I.G.T. Salento Falanghina 2020:

Fresco, frutado e acidez equilibrada; Produtor: Masseria Altemura; Teor alcoólico: 13%; Uva: Falanghina (vinho varietal); Nariz: Aromas de frutas cítricas, flores, damasco e pêssego; Harmonização: Risoto caprese, casquinha de siri, mix de folhas com queijo cabra, damasco e nozes

Compre aqui

 


 

O Sauvignon Blanc chileno

Cruz Andina Reserva Sauvignon Blanc Orgânico 2020:

Um vinho equilibrado, com corpo de leve para médio, boa acidez, refrescante e com final longo e agradável; Produtor: Veramonte; Teor alcoólico: 13,5%; Uva: Sauvignon Blanc (vinho varietal); Nariz: Frutas cítricas, notas florais e sutis toques vegetais; Harmonização: Filé de pescada ao molho de maracujá, pizza de abobrinha com queijo brie, espaguete ao pesto, arroz de mariscos

Compre aqui

 


 

O blend francês

Château D’Anglès Classique Bourboulenc Grenache Roussane La Clape AOC 2021:

Rico e persistente, com toques complexos de frutas brancas e frescor mineral equilibrado; Produtor: Château d’Anglès; Teor alcoólico: 13,5%; Uva: Bourboulenc, Grenache e Roussanne (vinho blend); Nariz: Elegante e intenso, expressando notas de flores brancas e especiarias; Harmonização: Patê de salmão, queijo de cabra, lombinho assado com batatas

Compre aqui

 


 

O Chardonnay francês

Ropiteau Frères Premier Cru A.O.C. Chassagne-Montrachet 2018:

Bom corpo, untuoso, interessante volume em boca, frutado com nuances da barrica, refrescante; final longo, agradável e complexo; Produtor: Ropiteau Frères; Teor alcoólico: 13%; Uva: Chardonnay (vinho varietal); Nariz: Abacaxi maduro, pêssego, maça, sutis notas de tosta, mineral e baunilha; Harmonização: truta com manteiga de ervas, lombo de bacalhau com crosta de amêndoas, nhoque de batata com molho de manteiga, lombo de porco com abacaxi, sálvia, nozes e queijo moles maturados

Compre aqui

 


 

O blend português

Alto Lima Branco Vinho Verde DOC 2020:

Delicado, equilibrado e refrescante, com acidez ligeiramente vibrante; Produtor: Adega Cooperativa Ponte da Barca e Arcos de Valdevez; Teor alcoólico: 9,5%; Uvas: Loureiro, Arinto e Trajadura (vinho blend); Nariz: Notas intensas de frutas cítricas e flores brancas; Harmonização: Caldeirada de peixe, bolinho de bacalhau, legumes grelhados

Compre aqui

 


 

O Grillo italiano

CentAre D.O.C. Sicilia Grillo 2020:

Um vinho jovem, leve para médio, frutado, com notas cítricas, acidez alta que lhe confere um excelente frescor; Produtor: Cantine Pellegrino; Teor alcoólico: 12,5%; Uva: Grillo (vinho varietal); Nariz: Frutas cítricas, notas de jasmim, sutis notas herbáceas e mineral; Harmonização: Peixe grelhado, espaguete ao pesto com mussarela de búfala e tomate cereja, frango ao curry, camarão na manteiga e queijos moles

Compre aqui

 


 

O Chardonnay francês

Ropiteau Frères A.O.C. Puligny-Montrachet Blanc 2020:

Médio corpo, volumoso, boa untuosidade no paladar, frutado com nuances da barrica, redondo, acidez média, final longo; Produtor: Ropiteau Frères; Teor alcoólico: 13%; Uva: Chardonnay (vinho varietal); Nariz: Frutas amarelas e brancas, toque floral, notas minerais, e sutil aroma de baunilha; Harmonização: Moqueca de badejo, risoto de brie com pera, espaguete com camarão na manteiga

Compre aqui

 


 

O Chardonnay argentino

Nieto Senetiner Fran Chardonnay 2021:

Acidez delicada e final agradável; Produtor: Nieto Senetiner; Teor alcoólico: 12,5%; Uva: Chardonnay (vinho varietal); Nariz: Frutas tropicais, como maracujá e abacaxi, e toques de baunilha; Harmonização: Saladas, aperitivos, frutos do mar

Compre aqui

 


 

O Inzolia italiano

Estate 1958 Inzolia Terre Siciliane IGT 2020:

Refrescante, saboroso, com acidez marcante e final longo; Produtor: Cantine Settesoli; Teor alcoólico: 12,5%; Uva: Inzolia (vinho varietal); Nariz: Notas intensas de frutas brancas, jasmim e bergamota; Harmonização: Pratos à base de peixes e frutos do mar, saladas, queijos leves

Compre aqui

 


 

O Riesling francês

Albert Boxler Riesling Reserve 2017:

Muito leve, frutado, macio e com dulçor residual; Produtor: Albert Boxler; Teor alcoólico: 13%; Uva: Riesling (vinho varietal); Nariz: Envolvente, com bom equilíbrio entre notas frutadas, minerais e hidrocarbônicas de fundo; Harmonização: Ragú de vitelo, queijos de cabra e ovelha e ceviche

Compre aqui

 


 

O Chardonnay francês

La Combe dOr I.G.P. Pays d’Oc Chardonnay 2020:

Um vinho jovem, frutado, leve, harmônico, com acidez agradável, refrescante e final persistente; Produtor: Vignobles & Compagnie; Teor alcoólico: 13%; Uva: Chardonnay (vinho varietal); Nariz: Frutas tropicais, abacaxi, maracujá e cítricas; Harmonização: Saladas em geral, caeser salad, tilápia grelhada com arroz negro, peixes gralhados, frango grelhado ao molho bechamel

Compre aqui

 


 

O Chenin Blanc sul-africano

Nederburg 56 Hundred Chenin Blanc 2019:

Frutado, leve, boa acidez; Produtor: Nederburg; Teor alcoólico: 12%; Uva: Chenin Blanc (vinho varietal); Nariz: Pêssego, abacaxi, goiaba branca, cítrico, floral; Harmonização: Abobrinha recheada, camarão salteado, lasanha de peito de peru, arroz de bacalhau, rolinho primavera, nhoque de abóbora ao molho branco

Compre aqui

 


 

O Chardonnay chileno

Isla Seca Winemaker Selection Chardonnay Central Valley D.O. 2021:

Refrescante, leve e harmônico; Produtor: Bodegas Y Viñedos de Aguirre; Teor alcoólico: 12,5%; Uva: Chardonnay (vinho varietal); Nariz: Aromas de frutas tropicais, banana e pêssego maduro; Harmonização: Quibe de abóbora, macarrão cacio e pepe, ravióli de ricota

Compre aqui

 


 

O Torrontés argentino

Susana Balbo Lujanita Torrontés 2021:

Acidez brilhante, cremosidade sutil e longo acabamento que lhe dão profundidade e equilíbrio no paladar; Produtor: Susana Balbo Wines; Teor alcoólico: 12,5%; Uva: Torrontés (vinho varietal); Nariz: Aromas de frutas cítricas, maracujá, flores brancas e lichia; Harmonização: Carpaccio de pupunha ao pesto, peixe assado ao molho de alcaparras e aspargos, quiche de espinafre com ricota

Compre aqui

 


 

O blend francês

Château Revelette Vin de France PUR Blanc 2020:

Boca fresca, fácil de beber, mas com um final vibrante; Produtor: Château Revelette; Teor alcoólico: 12,5%; Uvas: Ugni Blanc, Chardonnay e Carignan Blanc (vinho blend); Nariz: Nariz delicado mas frutado com pêssegos, maçã, algo de laranja e flores brancas; Harmonização: Saladas, frutos do mar

Compre aqui

 


 

O Chardonnay argentino

Nieto Senetiner Benjamin Chardonnay 2021:

Refrescante e frutado, com acidez equilibrada; Produtor: Nieto Senetiner; Teor alcoólico: 12,3%; Uva: Chardonnay (vinho varietal); Nariz: Aromas de maçã verde, abacaxi e banana; Harmonização: Carnes brancas, peixes, frutos do mar, aperitivos

Compre aqui

 


 

O blend argentino

Nieto Senetiner Benjamin Suave & Refrescante Branco 2021:

Refrescante, macio, sutilmente adocicado e com final agradável; Produtor: Nieto Senetiner; Teor alcoólico: 11,7%; Uva: Várias uvas (vinho varietal); Nariz: Aromas de maçã, pêssego e flores brancas; Harmonização: Frutos do mar, massas leves, ceviches, sushis

Compre aqui

 


 

O Pinot Grigio italiano

Antica Marca Villagio Dal 1818 Pinot Grigio Terre Siciliane IGT 2020:

Refrescante, frutado e vivaz; Produtor: Castellani; Teor alcoólico: 12%; Uva: Pinot Grigio (vinho varietal); Nariz: Complexo, com aromas de maçã-verde, pera e toques de frutas cítricas; Harmonização: Espaguete ao molho pesto, legumes na brasa, salada de frutos do mar

Compre aqui

 


 

O Chardonnay argentino

Nieto Senetiner Chardonnay 2021:

Acidez refrescante, corpo cremoso e final prolongado; Produtor: Nieto Senetiner; Teor alcoólico: 13,5%; Uva: Chardonnay (vinho varietal); Nariz: Aromas de frutas tropicais, como abacaxi e manga, e notas de frutas cítricas e mel; Harmonização: Risotos, legumes grelhados, aperitivos, peixes

Compre aqui

 


 

O Chardonnay italiano

Cantina Reale I.G.T. Veneto Chardonnay 2019:

Saboroso, elegante e equilibrado; Produtor: Botter; Teor alcoólico: 12%; Uva: Chardonnay (vinho varietal); Nariz: Bouquet delicado e elegante de frutas frescas; Harmonização: Massa ao pesto, quiche de parmesão, mix de queijos e embutidos, risole de abobrinha

Compre aqui

 


 

O blend argentino

El Bautismo Blend De Blancas Dulces 2020:

Frutado, doce, leve, boa acidez; Produtor: La Liga de Enólogos; Teor alcoólico: 10%; Uvas: Torrontés, Moscatel e Pedro Giménez (vinho blend); Nariz: Frutas maduras, lichia, floral, mel; Harmonização: Canapés com toque adocicado, brie com mel, abacaxi em calda, salada de frutas, bolo de massa branca, gorgonzola e roquefort

Compre aqui

 


 

O Chardonnay argentino

Altivo Classic Chardonnay 2020:

Leve, acidez agradável, frutado, jovem; Produtor: Finca Eugenio Bustos; Teor alcoólico: 12%; Uva: Chardonnay (vinho varietal); Nariz: Frutas amarelas frescas, frutas cítricas frescas, nuance de baunilha; Harmonização: Risoto caprese, camarão na manteiga, saladas, filé de frango com batatas, wrap de ricota e tomate, tabule

Compre aqui

 


 

O blend português

Capote Velho Reserva Regional Lisboa Branco 2019:

Boa estrutura, boa acidez e agradável final de boca; Produtor: Parras Wines; Teor alcoólico: 12,5%; Uvas: Arinto, Chardonnay e Fernão Pires (vinho blend); Nariz: Frutas tropicais e frutas cítricas; Harmonização: Maçã verde recheada com farofa de quinoa e castanhas, acarajé e panqueca de queijo

Compre aqui

 


 

O Chardonnay argentino

Fran Chardonnay 2021:

Acidez delicada e final agradável; Produtor: Nieto Senetiner; Teor alcoólico: 12,5%; Uva: Chardonnay (vinho varietal); Nariz: Frutas tropicais, como maracujá e abacaxi, e toques de baunilha; Harmonização: Paella, creme de abóbora, frango assado com ervas

Compre aqui

 


 

O Grenache Blanc francês

Un Été En France Branco 2020:

Fresco, frutado e acidez vibrante; Produtor: Gabriel Meffre; Teor alcoólico: 12%; Uva: Grenache Blanc (vinho varietal); Nariz: Aromas de frutas como pêssego e maçã, e notas florais; Harmonização: Bacalhau ao forno com batata, canelone ao molho de quatro queijos, cogumelos salteados na manteiga

Compre aqui

 


 

O Sauvignon Blanc espanhol

M De Murviedro Sauvignon Blanc Valencia DOP 2019:

Fresco, frutado e elegante, com acidez equilibrada; Produtor: Bodegas Murviedro; Teor alcoólico: 11,5%; Uva: Sauvignon Blanc (vinho varietal); Nariz: Aromas intensos de frutas tropicais e cítricas; Harmonização: Risoto de camarão, burrata ao molho pesto com tomates confit, ceviche de tilápia

Compre aqui

 


 

O Pinot Grigio argentino

Partridge Unfiltered Pinot Gris 2021:

Frutado, floral e com boa acidez. Corpo médio e final prolongado; Produtor: Viña Las Perdices; Teor alcoólico: 12%; Uva: Pinot Grigio (vinho varietal); Nariz: Frutas brancas, frutas amarelas, cítrico, floral; Harmonização: Rondelli de bacalhau, risoto de polvo, cestinhas de massa folhada com salada de feijão branco, tartar de peixe branco, quiche caprese, tiras de frango empanado

Compre aqui

 


 

O Pinot Grigio italiano

I Castelli Romeo e Giulietta D.O.C. Delle Venezie Pinot Grigio 2020:

Fresco, acidez vibrante, fácil de beber; Produtor: Cielo e Terra S.P.A.; Teor alcoólico: 12%; Uva: Pinot Grigio (vinho varietal); Nariz: Aromas de crosta de pão e maçã verde; Harmonização: Espetinho de frango com bacon, quiche de alho poró com palmito, macarrão ao molho pesto com tomate cereja

Compre aqui

 


 

O Sauvignon Blanc francês

La Combe Dor I.G.P. Pays d’Oc Sauvignon Blanc 2020:

Um vinho jovem, leve, frutado, harmônico, acidez agradável e refrescante; Produtor: Vignobles & Compagnie; Teor alcoólico: 12,5%; Uva: Sauvignon Blanc (vinho varietal); Nariz: Frutas cítricas e tropicais, toranja, manga; Harmonização: Frutos do mar, peixes, aves, paella, guacamole, saladas e como aperitivo

Compre aqui

 


 

O Grillo italiano

CentAre D.O.C. Sicilia Grillo 2019:

Notas cítricas, frescor e ótima acidez; Produtor: Cantine Pellegrino; Teor alcoólico: 12,5%; Uva: Grillo (vinho varietal); Nariz: Frutas cítricas e notas de jasmin; Harmonização: Crustáceos, peixe grelhado, ceviche, saladas, penne mediterrâneo

Compre aqui

 


 

O Sauvignon Blanc chileno

Playa Azul Winemaker Selection Sauvignon Blanc Central Valley D.O. 2021:

Frutado, harmonioso, refrescante, fácil de beber; Produtor: Bodegas Y Viñedos de Aguirre; Teor alcoólico: 12,5%; Uva: Sauvignon Blanc (vinho varietal); Nariz: Notas intensas de frutas brancas e cítricas, com toques florais; Harmonização: Carnes brancas, peixes e frutos do mar, aperitivos, queijos leves

Compre aqui

 


 

O Sauvignon Blanc argentino

Bodega Norton Barrel Select Sauvignon Blanc 2021:

Complexo, estruturado, refrescante e frutado; Produtor: Bodega Norton; Teor alcoólico: 13%; Uva: Sauvignon Blanc (vinho varietal); Nariz: Intenso, com notas de maçã-verde, frutas tropicais e ervas frescas; Harmonização: Ceviche de camarão, estrogonofe de brócolis, lombo assado com legumes

Compre aqui

 


 

O Sauvignon Blanc francês

Maison Castel Pouilly Fumé AOC 2020:

Vivaz, complexo, persistente e frutado; Produtor: Maison Castel; Teor alcoólico: 13%; Uva: Sauvignon Blanc (vinho varietal); Nariz: Notas intensas de frutas cítricas com nuances minerais; Harmonização: Caldeirada de peixe com açafrão, espaguete ao molho pesto, lombo de porco assado com batatas

Compre aqui

 


 

O blend português

Casa Burmester Reserva D.O.C. Douro Branco 2019:

Frutado, sedoso e estruturado, acidez presente e agradável, final longo e refrescante leve; Produtor: Burmester; Teor alcoólico: 13%; Uvas: Gouveio, Rabigato e Viosinho (vinho blend); Nariz: Notas de frutas tropicais, abacaxi maduro, toque amadeirado e ervas aromáticas; Harmonização: Espetinho de camarão, bobó de camarão, penne ao molho branco com parmesão, bacalhau ao forno com batatas, empadão de frango com catupiry (ou palmito)

Compre aqui

 


 

O blend italiano

Santa Cristina Amabile Casasole Classico Orvieto DOC 2019:

Levemente doce, fresco e fácil de beber; Produtor: Marchesi Antinori; Teor alcoólico: 12%; Uvas: Procanico, Grechetto, Verdelho, Drupeggio e Malvasia (vinho blend); Nariz: Aroma intenso de maçãs, bananas e raspas de laranja; Harmonização: Caldo verde, queijo coalho com melado, ceviche de tilápia

Compre aqui

 


 

O Sémillon argentino

La Poderosa Semillón 2021:

Frutado, com acidez marcante e final refrescante; Produtor: Bodega Del Fin Del Mundo; Teor alcoólico: 14%; Uva: Sémillon (vinho varietal); Nariz: Notas intensas de frutas cítricas, com toques de chá preto; Harmonização: Ceviche de salmão, paella, frango assado com ervas

Compre aqui

 


 

O Pinot Grigio italiano

Conte Fosco D.O.C. Delle Venezie Pinot Grigio 2020:

Suave, delicado e fresco; Produtor: Terre Cevico; Teor alcoólico: 12%; Uva: Pinot Grigio (vinho varietal); Nariz: Notas de maçã, pera e cítricos; Harmonização: Entradas, frutos do mar e aves

Compre aqui

 


 

O blend português

Portada Winemaker’s Selection Branco 2020:

Frutado, refrescante, macio e fácil de beber; Produtor: DFJ Vinhos; Teor alcoólico: 12%; Uvas: Fernão Pires, Arinto, Alvarinho, Chardonnay, Riesling, Verdelho, Moscatel (vinho blend); Nariz: Aromas cítricos, com notas de maçã; Harmonização: Legumes grelhados, queijo coalho assado, filé de frango ao pesto

Compre aqui

 


 

O blend português

Terra Grande Regional Alentejano Branco 2019:

Boa estrutura, final agradável, boa acidez e frescor; Produtor: Parras Wines; Teor alcoólico: 12,5%; Uvas: Roupeiro, Arinto e Antão Vaz (vinho blend); Nariz: Aromas de frutas brancas e amarelas e flores; Harmonização: Pipoca com manteiga, sushi, bolinho de bacalhau e frango assado com batatas

Compre aqui

 


 

O blend português

Burmester D.O.C. Douro Branco 2019:

Frutado, leve, acidez presente, jovem; Produtor: Burmester; Teor alcoólico: 13%; Uvas: Rabigato, Gouveio e Malvasia Fina (vinho blend); Nariz: Frutas brancas, frutas cítricas, vegetal; Harmonização: Tilápia ao molho de alho poró, risoto de queijos, salada Niçoise, casquinha de siri, pancetta na grelha, frango à Kiev

Compre aqui

 


 

O blend argentino

Chateau Garbin White Blend 2021:

Corpo leve e frutado, com acidez marcante e acabamento refrescante; Produtor: Bodegas Garbin Estate; Teor alcoólico: 13,2%; Uvas: Várias uvas (vinho blend); Nariz: Notas cítricas, com toques intensos de maçã verde e ervas; Harmonização: Saladas verdes, ceviches e sushi

Compre aqui

 


 

O Sémillon francês

Château Jean Galan Sauternes AOC 2019:

Refrescante, redondo, delicado, equilibrado, e com notas de abacaxi; Produtor: Sarl Jean Galan; Teor alcoólico: 13,5%; Uva: Sémillon (vinho varietal); Nariz: Expressivo e frutado, com nuances amanteigadas, tostadas e de flores brancas; Harmonização: Pudim, Crème Brûlée, queijo Roquefort

Compre aqui

 


 

O Torrontés argentino

Patas Torrontés 2021:

Delicado, com notas florais e frutadas, final longo e equilibrado; Produtor: Fecovita; Teor alcoólico: 11,8%; Uva: Torrontés (vinho varietal); Nariz: Aromas que lembram frutas cítricas frescas; Harmonização: Queijo de cabra fresco, falafel, talharim ao molho pesto

Compre aqui

 


 

O Chardonnay argentino

Guanaco West Chardonnay 2021:

Harmonioso, agradável e frutado; Produtor: Agrovit Rural; Teor alcoólico: 12,8%; Uva: Chardonnay (vinho varietal); Nariz: Aromas cítricos, com notas de maçã-verde e pêssego; Harmonização: Empanadas de queijo, filé de peixe empanado, espaguete ao molho de camarão

Compre aqui

 


 

O blend português

Davideira Branco:

Macio, equilibrado e final frutado; Produtor: Parras Wines; Teor alcoólico: 12,5%; Uvas: Uvas nativas (vinho blend); Nariz: Frutas amarelas e flores; Harmonização: Filé de frango grelhado com salada, iscas de peixe frito, camarão empanado, espaguete ao alho e óleo, tomates recheados com ricota, quiche de abobrinha

Compre aqui

 


 

O blend argentino

Bodega Privada Blend White Wine 2021:

Fresco e frutado; Produtor: RPB; Teor alcoólico: 12,5%; Uvas: Ugni Blanc, Chenin Blanc e Pedro Gimenez (vinho blend); Nariz: Aromas que lembram frutas brancas; Harmonização: Saladas com queijo, bobó de camarão, dadinho de tapioca

Compre aqui

 


 

O Viognier italiano

Canceddi Viognier Sicilia DOC 2019:

Agradável, mineral, fresco e aromático; Produtor: Cantine Settesoli; Teor alcoólico: 13,5%; Uva: Viognier (vinho varietal); Nariz: Notas de acácia, lavanda e pêssego no nariz; Harmonização: Rigatoni com pesto alla trapanese, sardinhas recheadas, burrata com tomates confit e pesto

Compre aqui

 


 

O blend argentino

Patas White Blend 2021:

Refrescante e com final persistente; Produtor: Fecovita; Teor alcoólico: 11,5%; Uvas: Várias uvas (vinho blend); Nariz: Boa intensidade de aromas florais e frutados; Harmonização: Queijo Brie, burrata com tomate confit, tabule de cuscuz marroquino

Compre aqui

 


 

O blend argentino

Cavas Don Carlos White Blend 2021:

Refrescante e frutado; Produtor: Bodegas Garbin Estate; Teor alcoólico: 13,2%; Uvas: Várias uvas (vinho blend); Nariz: Notas de frutas cítricas; Harmonização: Saladas, aperitivos, pratos com molhos leves

Compre aqui

 


 

O Moscato brasileiro

Monte Paschoal Virtus Moscato 2020:

Leve, fresco com final ligeiro e agradável; Produtor: Monte Paschoal; Teor alcoólico: 11%; Uva: Moscato (vinho varietal); Nariz: Pêssego, lichia, limão e notas de acácia; Harmonização: Frutos do mar, risoto de camarão, taco de frango desfiado com pimenta jalapenho, atum selado com gergelim, coxinha, dadinho de tapioca, acarajé

Compre aqui

 


 

O Vermentino italiano

Canceddi Vermentino Terre Siciliane IGT 2019:

Refrescante e aromático; Produtor: Cantine Settesoli; Teor alcoólico: 13%; Uva: Vermentino (vinho varietal); Nariz: Notas herbáceas e de jasmim; Harmonização: Arancini, carpaccio de tilápia, polvo grelhado

Compre aqui

 


 

O blend português

Flor de Sal III Silver Antão Vaz Chardonnay Vinho Regional Alentejano 2020:

Delicado, frutado, macio, elegante; Produtor: Ervideira; Teor alcoólico: 13%; Uvas: Antão Vaz e Chardonnay (vinho blend); Nariz: Aromas frutados, com destaque para notas tropicais; Harmonização: Queijo Coalho à milanesa, camarão na moranga, vinagrete de polvo

Compre aqui

 


 

O Airén espanhol

Baron de Beldon Vino Blanco 2020:

Refrescante, com acidez equilibrada e toques frutados; Produtor: Bodegas Bastida; Teor alcoólico: 11%; Uva: Airén (vinho varietal); Nariz: Vivaz, com notas de frutas maduras e toques tropicais; Harmonização: Tapas espanholas, estrogonofe de brócolis, filé de peixe ao molho de camarão

Compre aqui

 


 

O Riesling alemão

Georg Breuer Charm Riesling 2020:

Perfeita harmonia entre vibrante acidez, notas minerais e leve teor de açúcar; Produtor: Georg Breuer; Teor alcoólico: 11,02%; Uva: Riesling (vinho varietal); Nariz: Aromas frescos de lima, limão, algo de maracujá e pêssego; Harmonização: Aperitivos, salmão gravlax, queijos frescos e cozinhas orientais picantes

Compre aqui

 


 

⇒ O Airén espanhol

Señorio de Los Llanos Blanco D.O. Valdepeñas:

Elegante com boa acidez e equilíbrio; Produtor: J. García Carrión; Teor alcoólico: 12,5%; Uva: Airén (vinho varietal); Nariz: Notas frutadas e cítricas; Harmonização: Mariscos, pescados

Compre aqui

 


 

O Riesling brasileiro

Arbo Reservado Riesling:

Leve, refrescante e harmonioso; Produtor: Casa Perini; Teor alcoólico: 11%; Uva: Riesling (vinho varietal); Nariz: Frutado cítrico com elegantes notas de flores brancas; Harmonização: Canapés, frutos do mar, peixes, carnes brancas e risotos leves

Compre aqui

 


 

O Grillo italiano

Canceddi Grillo Sicilia DOC 2019:

Equilibrado e mineral; Produtor: Cantine Settesoli; Teor alcoólico: 13%; Uva: Grillo (vinho varietal); Nariz: Aromas de frutas cítricas, como laranja, e notas florais; Harmonização: Tilápia assada com batatas, lula à dorê, legumes e verduras grelhados

Compre aqui

 


 

O Sauvignon Blanc francês

Côté Océan Sauvignon Blanc Atlanique IGP 2019:

Fresco, leve e com boa intensidade de fruta; Produtor: Tutiac; Teor alcoólico: 12%; Uva: Sauvignon Blanc (vinho varietal); Nariz: Maracujá e abacaxi, e toques delicados de ervas; Harmonização: Peixe branco grelhado, saladas de folhas, risoto al limone

Compre aqui

 


 

O blend português

3 Castelos Fresh White Blend:

Refrescante e frutado, com acidez marcante e toques minerais; Produtor: Caves Campelo; Teor alcoólico: 12%; Uvas: Antão Vaz e Arinto (vinho blend); Nariz: Expressivo, com notas de frutas brancas frescas e nuances florais; Harmonização: Espaguete ao molho pesto, queijo coalho assado, frutos do mar, canapés

Compre aqui

 


 

O blend português

Burmester D.O.C. Douro Branco 2020:

Vinho leve, jovem, frutado, acidez presente e agradável, refrescante; Produtor: Burmester; Teor alcoólico: 13%; Uvas: Malvasia Fina, Gouveio e Rabigato (vinho blend); Nariz: Frutas brancas, frutas cítricas, sutis notas de vegetal; Harmonização: Tilápia ao molho de alho poró, risoto de queijos, pancetta na grelha, peixe frito, empadão de palmito com queijo

Compre aqui

 


 

O Sauvignon Blanc chileno

Casas Del Bosque Winemakers Selection Sauvignon Blanc Valle de Casablanca D.O. 2021:

Equilibrado, refrescante, com acidez marcante; Produtor: Viña Casas Del Bosque; Teor alcoólico: 13,5%; Uva: Sauvignon Blanc (vinho varietal); Nariz: Intenso, com nuances de limão, pêssego, pimenta jalapeño e grama recém-cortada; Harmonização: Peixe à dorê com molho tártaro, ensopado de alcachofras, penne ao molho branco com ervilhas

Compre aqui

 


 

O Chardonnay chileno

Casas Del Bosque Winemakers Selection Chardonnay Valle de Casablanca D.O. 2020:

Redondo, com acidez linear e vibrante, final longo e delicado; Produtor: Viña Casas Del Bosque; Teor alcoólico: 13,5%; Uva: Chardonnay (vinho varietal); Nariz: Poderoso, com notas cítricas, flores de pêssego e maçã amarela; Harmonização: Queijo Brie empanado, moqueca de camarão, salada de feijão fradinho com mariscos

Compre aqui

 


 

O blend francês

Domaine de LOstal Albe I.G.P. Pays dOc Blanc 2018:

Fresco, suave e ligeiramente ácido; Produtor: Domaines Jean-Michel Cazes; Teor alcoólico: 12,5%; Uvas: Marsanne, Viognier e Roussane (vinho blend); Nariz: Pêra, erva-doce, melão e geleia de frutas; Harmonização: Frutos do mar, posta de cação, quiche com salada, vegetais grelhados, queijo de cabra

Compre aqui

 


 

O Riesling australiano

Heritage Road Riesling 2018:

Refrescante, equilibrado, levemente doce, com notas de limão; Produtor: McGuigan; Teor alcoólico: 11,5%; Uva: Riesling (vinho varietal); Nariz: Aromas cítricos, com notas de frutas de caroço e toques florais; Harmonização: Legumes e vegetais assados, queijos frescos, peixes e frutos do mar

Compre aqui

 


 

O blend espanhol

Elia White Wine:

Frutado, saboroso e com boa acidez; Produtor: Bodegas Bastida; Teor alcoólico: 12%; Uvas: Várias uvas (vinho blend); Nariz: Aroma refrescante de frutas brancas; Harmonização: Tapas, ratatouille, risoto de alho poró

Compre aqui

 


 

O blend espanhol

Viña Sol Original D.O. Catalunya 2019:

Fresco, delicado e acidez sutil; Produtor: Miguel Torres; Teor alcoólico: 12%; Uvas: Garnacha Blanca e Parellada (vinho blend); Nariz: Notas de flores e frutas cítricas; Harmonização: Risoto de frutos do mar, espetinho de camarão, burrata, massas, saladas

Compre aqui

 


 

O Pinot Grigio italiano

ZioBaffa Pinot Grigio 2021:

Corpo leve, equilibrado, refrescante e com final longo; Produtor: Castellani; Teor alcoólico: 12%; Uva: Pinot Grigio (vinho varietal); Nariz: Frutas cítricas como limão e abacaxi; Harmonização: Queijos leves, aperitivos

Compre aqui

 


 

O blend argentino

Que Guapo Branco 2021:

Frutado e saboroso, com corpo leve, acidez agradável e refrescante; Produtor: Viña Las Perdices; Teor alcoólico: 13%; Uvas: Chardonnay, Viognier e Torrontés (vinho blend); Nariz: Abacaxi, pêssego, pera, floral; Harmonização: Paella de frutos do mar, canelone de ricota com espinafre, espetinho de camarão, peixe assado com legumes, legumes gratinados

Compre aqui

 


 

O Sauvignon Blanc americano

Dark Horse Sauvignon Blanc 2019:

Boa acidez, jovem, fresco; Produtor: Dark Horse; Teor alcoólico: 13%; Uva: Sauvignon Blanc (vinho varietal); Nariz: Frutas cítricas, limão, toranja; Harmonização: Tilápia com molho de limão, risoto de alho poró, camarão, crepe de palmito, salada refrescante de folhas verdes, bruschetta de muçarela de búfala com tomate cereja

Compre aqui

 


 

O blend português

Terras de Estremoz Special Selection Regional Alentejano Branco 2020:

Frutado, equilibrado, elegante de corpo médio, refrescante e com um final agradável; Produtor: Encostas de Estremoz; Teor alcoólico: 13%; Uvas: Arinto, Síria e Antão Vaz (vinho blend); Nariz: Aroma frutado, abacaxi, pêssego e sutis notas minerais; Harmonização: Acompanha bem pratos grelhados e massas com molho: frango grelhado com legumes, peixe grelhado ou no forno, macarrão ao molho branco com parmesão

Compre aqui

 


 

O Clairette francês

Art de Vivre D.O.P. Clairette du Languedoc Adissan Blanc 2018:

Fresco, elegante e harmonioso; Produtor: Gérard Bertrand; Teor alcoólico: 13%; Uva: Clairette (vinho varietal); Nariz: Frutas de polpa branca frescas, abacaxi, pera e ameixa amarela; Harmonização: Arroz de camarão no abacaxi, arroz de pato, salada mediterrânea e risoto de abobrinha com gorgonzola

Compre aqui

 


 

O Sauvignon Blanc francês

Bouquet I.G.P. Pays dOc Sauvignon Blanc 2020:

Jovem, fresco e boa acidez; Produtor: Vignobles & Compagnie; Teor alcoólico: 12,5%; Uva: Sauvignon Blanc (vinho varietal); Nariz: Frutas cítricas, limão, lima, toranja; Harmonização: Ceviche de tilápia, frutos do mar, queijo de cabra, saladas frescas de folhas e frutas com aspargos grelhados

Compre aqui

 


 

O Viognier uruguaio

Alto De La Ballena Viognier 2020:

Frutado, com boa textura e acidez equilibrada; Produtor: Alto De La Ballena; Teor alcoólico: 14%; Uva: Viognier (vinho varietal); Nariz: Pêssego, damasco, abacaxi e flores brancas; Harmonização: Comida indiana, peixe assado com ervas, moqueca baiana

Compre aqui

 


 

O blend francês

Baron Guillot Classique Esprit de Vigneron Blanc 2020:

Corpo leve e frutado, com acidez marcante e acabamento refrescante; Produtor: Domaine du Père Guillot; Teor alcoólico: 11%; Uvas: Várias uvas (vinho blend); Nariz: Notas de frutas cítricas e tropicais, com sutil toque floral; Harmonização: Peixes grelhados, ceviches, vegetais e guisados

Compre aqui

 


 

O Pinot Grigio australiano

The Drover Pinot Grigio 2020:

Fresco, com final limpo e agradável; Produtor: Dee Vine Estate; Teor alcoólico: 12%; Uva: Pinot Grigio (vinho varietal); Nariz: Notas de limão, pera e maçã-verde; Harmonização: Frutos do mar, mozzarella de búfala, dadinho de tapioca

Compre aqui

 


 

O blend português

Adega do Marquês Branco Vinho Verde DOC:

Leve, jovem, refrescante e persistente; Produtor: Caves Campelo; Teor alcoólico: 10,5%; Uvas: Loureiro, Trajadura e Arinto (vinho blend); Nariz: Aroma fresco de maçã, limão e pêssego; Harmonização: Peixes, frutos do mar, carnes brancas, aperitivos

Compre aqui

 


 

O Chardonnay francês

Bouchard Père & Fils Grand Vin de Bourgogne Meursault Les Clous AOC 2017:

Rico, agradável, com acidez marcante e toques amanteigados; Produtor: Bouchard Père & Fils; Teor alcoólico: 13,5%; Uva: Chardonnay (vinho varietal); Nariz: Aromas intensos de frutas brancas e flores, com toques minerais e de brioche; Harmonização: Paella, salada Caesar, peixes assados com legumes

Compre aqui

 


 

O blend francês

Carmes de Rieussec Sauternes AOC 2014:

Redondo, cremoso, com notas frutadas e final expressivo e mineral; Produtor: Eleanor; Teor alcoólico: 14%; Uvas: Sémillon, Sauvignon Blanc e Muscadelle (vinho blend); Nariz: Notas florais, de acácia, pêra e damasco cristalizado; Harmonização: Queijo gorgonzola, pudim, creme de papaia

Compre aqui

 


 

O Chardonnay australiano

The Drover Chardonnay 2021:

Fresco, com toque amanteigado, e notas amadeiradas oriundas da passagem em carvalho; Produtor: Dee Vine Estate; Teor alcoólico: 12,5%; Uva: Chardonnay (vinho varietal); Nariz: Notas de frutas cítricas; Harmonização: Tulipa de frango na brasa, lombo suíno, salada de folhas verdes

Compre aqui

 


 

O Sauvignon Blanc australiano

The Drover Sauvignon Blanc 2021:

Fresco, corpo médio, final longo; Produtor: Dee Vine Estate; Teor alcoólico: 11,5%; Uva: Sauvignon Blanc (vinho varietal); Nariz: Notas de pitaia e maracujá maduros; Harmonização: Filé de linguado grelhado, batata frita, massa ao pesto de manjericão

Compre aqui

 


 

O blend francês

Domaine Tariquet Réserve Côtes de Gascogne IGP 2019:

Complexo, profundo e intenso, com acidez vibrante, e notas frutadas e refrescantes; Produtor: Château du Tariquet; Teor alcoólico: 13%; Uva: Gros manseng, Chardonnay, Sauvignon Blanc e Sémillon (vinho blend); Nariz: Complexo e intenso, com notas de frutas brancas, pêssego e baunilha; Harmonização: Vieiras cremosas com camarão, costeleta de vitela grelhada, ravioli de cogumelos

Compre aqui

 


 

O blend europeu

Baron de Taste Édition Spéciale White Dry:

Fresco, frutado, delicado; Produtor: Maison Ginestet; Teor alcoólico: 11,5%; Uvas: Várias uvas (vinho blend); Nariz: Notas cítricas e florais; Harmonização: Peixe com molho de camarão, sashimi, talharim ao molho branco

Compre aqui

 


 

O Vermentino italiano

Lupo Meraviglia Uno di Uno Vermentino Puglia IGT 2020:

Refrescante, encorpado, intenso, com acidez bem equilibrada; Produtor: Botter Wines; Teor alcoólico: 12,5%; Uva: Vermentino (vinho varietal); Nariz: Frutado e expressivo, com notas intensas de cedro, pêssego branco, damasco e maçã; Harmonização: Estrogonofe de brócolis, espaguete ao molho pesto, salada de camarão

Compre aqui

 


 

O blend italiano

Santa Cristina Campo Grande Classico Orvieto DOC 2019:

Macio, fresco, com notas minerais e frutadas; Produtor: Marchesi Antinori; Teor alcoólico: 12%; Uvas: Grechetto e Procanico (vinho blend); Nariz: Aromas frutados de pêssego e damasco, com notas de flor de laranjeira; Harmonização: Batata rústica com alecrim, palmito pupunha grelhado, risoto de polvo

Compre aqui

 


 

O Airén espanhol

8th Street Airén White Dry Wine:

Refrescante, frutado e aveludado; Produtor: Vinos y Bodegas; Teor alcoólico: 11%; Uva: Airén (vinho varietal); Nariz: Aromas de frutas cítricas com toques florais; Harmonização: Polenta frita, queijo Coalho assado, salada de camarão com legumes

Compre aqui

 


 

O Viúra espanhol

Navaldar D.O.Ca Rioja Blanco 2020:

Fresco, domínio de compota de maçã, acidez agradável, frutado; Produtor: Bodegas D. Mateos; Teor alcoólico: 12,5%; Uva: Viúra (vinho varietal); Nariz: Fresco, intenso e frutado com notas de maçã e compota de pera, combinadas com sabores cítricos; Harmonização: Frutos do mar, peixes cozidos, saladas, arroz, refogados e massas

Compre aqui

 


 

O blend português

Torre de Pias Vinho Branco:

Refrescante, equilibrado, persistente e com boa acidez; Produtor: Jaws; Teor alcoólico: 13,2%; Uvas: Síria, Fonte Cal (vinho blend); Nariz: Notas minerais intensas, com nuances de frutas cítricas e brancas; Harmonização: Sushi, peixes grelhados com legumes, lombo de porco ao molho pesto

Compre aqui

 


 

O blend italiano

Oro di Vigne Vino Bianco:

Equilibrado, redondo, jovem e frutado; Produtor: Terre Cevico Teor alcoólico: 10,5%; Uvas: Várias uvas (vinho blend); Nariz: Notas intensas de frutas brancas e cítricas, com delicadas nuances florais; Harmonização: Canapés, legumes grelhados, filé de frango ao pesto, queijos leves

Compre aqui

 


 

O blend italiano

Grande Alberone Bianco Chardonnay Catarratto Inzolia Terre Siciliane IGP 2020:

Equilibrado, redondo e persistente, com notas de frutas tropicais e cítricas; Produtor: Provinco; Teor alcoólico: 13%; Uvas: Chardonnay, Catarratto e Inzolia (vinho blend); Nariz: Expressivo e complexo, com aromas de pêssego, melão e ervas; Harmonização: Canapés de carpaccio, legumes grelhados ao molho pesto, gratinado de frango com queijo Brie

Compre aqui

 


 

O blend português

Mestre André Vinho Branco:

Refrescante, delicado, leve e frutado; Produtor: Quinta da Boa Esperança; Teor alcoólico: 12.5%; Uvas: Várias uvas (vinho blend); Nariz: Notas intensas de frutas brancas e cítricas; Harmonização: Peixe assado, salada de camarão, legumes grelhados

Compre aqui

 


 

O blend italiano

Batti Becco Vino Bianco d’talia:

Fresco, frutado e leve; Produtor: Caviro; Teor alcoólico: 11%; Uvas: Várias uvas (vinho blend); Nariz: Pera, limão e abacaxi; Harmonização: Saladas, canapés, frutos do mar

Compre aqui

 


 

O Chardonnay italiano

Capsula Viola Chardonnay 2019:

Fresco, equilibrado, saboroso e frutado; Produtor: Marchesi Antinori; Teor alcoólico: 10,5%; Uva: Chardonnay (vinho varietal); Nariz: Aromas delicados de maçãs-verdes e bananas maduras; Harmonização: Burrata com molho pesto, conchiglione de ricota com espinafre, polenta frita

Compre aqui

 


 

O Macabeo espanhol

Roureda D.O. Tarragona Macabeo 2018:

Fresco, leve e boa acidez; Produtor: Cellers Unió; Teor alcoólico: 11,5%; Uva: Macabeo (vinho varietal); Nariz: Frutas cítricas e nuances de amêndoas; Harmonização: Como aperitivo, peixes, frutos do mar, culinária mediterrânea, frango grelhado e queijos cremosos

Compre aqui

 


 

O blend francês

M. Chapoutier Côtes du Roussillon AOP 2020:

Redondo, acidez marcante, fresco, com notas de mineralidade; Produtor: M. Chapoutier; Teor alcoólico: 13,5%; Uvas: Grenache Blanc, Grenache Gris e Macabeo (vinho blend); Nariz: Aromas cítricos de limão e toranja, com ataque fresco e bastante aromático; Harmonização: Aves e peixes, carnes brancas e queijos

Compre aqui

 


 

O blend francês

M. Chapoutier Blanc Côtes-du-Rhône AOC 2020:

Encorpado, equilibrado, fresco, é elegante e com notas sutis de frutas brancas; Produtor: M. Chapoutier; Teor alcoólico: 13,6%; Uvas: Roussanne, Viognier, Grenache Blanc, Clairette Blanche e Marsanne (vinho blend); Nariz: Aromas de damasco, maracujá, manga, abacaxi e pêssego; Harmonização: Aperitivos, peixes, mariscos, steak tartare

Compre aqui

 


 

O Vermentino francês

M. Chapoutier Pays d’Oc Blanc 2020:

Acidez refrescante, leve e cítrico; Produtor: M. Chapoutier; Teor alcoólico: 12,7%; Uva: Vermentino (vinho varietal); Nariz: Pêssegos, toranja madura e flores brancas; Harmonização: Sushi, paella e peixes assados

Compre aqui

 


 

O blend português

Flor de Sal Antão Vaz-Sémillon 2020:

Refrescante, jovem, com acidez marcante, final longo e frutado; Produtor: Ervideira; Teor alcoólico: 13%; Uvas: Antão Vaz e Sémillon (vinho blend); Nariz: Notas intensas de frutas tropicais com toques minerais; Harmonização: Bacalhau à braz, caldeirada de peixe, caldo verde

Compre aqui

 


 

O blend italiano

Il Poggione Bianco di Toscana IGT 2019:

No paladar é fresco e bem estruturado; Produtor: Tenuta Il Poggione; Teor alcoólico: 13%; Uvas: Vermentino e Chardonnay (vinho blend); Nariz: Aroma de frutas frescas, com notas cítricas e minerais; Harmonização: Peixes, vegetais, queijos frescos

Compre aqui

 


 

O blend português

Casa Portuguesa Península de Setúbal Branco 2019:

Frutado, macio, saboroso, com boa acidez; Produtor: José Maria da Fonseca; Teor alcoólico: 12%; Uvas: Fernão Pires e Moscatel de Setúbal (vinho blend); Nariz: Notas intensas de frutas cítricas e tropicais; Harmonização: Aperitivos, frutos do mar e mariscos, peixes grelhados, vegetais

Compre aqui

 


 

O blend português

Terras de Estremoz Special Selection Regional Alentejano Branco 2018:

Boca com sabor equilibrado, notas frutadas mais frescas. Elegante de corpo médio, com um final agradável; Produtor: Encostas de Estremoz; Teor alcoólico: 13%; Uvas: Síria, Rabo de Ovelha e Arinto (vinho blend); Nariz: Aroma frutado, jovem e intenso de abacaxi e pêssego com notas minerais; Harmonização: Peixe grelhado ou no forno, mariscos, lagosta, carnes brancas ou de caça

Compre aqui

 


 

O Sauvignon Blanc chileno

De Martino Sauvignon Blanc Valle de Casablanca D.O. 2020:

Corpo médio, acidez vibrante, textura macia e final delicado; Produtor: De Martino; Teor alcoólico: 13%; Uva: Sauvignon Blanc (vinho varietal); Nariz: Frutas cítricas, maracujá, abacaxi e aspargos; Harmonização: Ostras, moqueca de peixe, queijo de cabra, massas ao pesto e carnes brancas

Compre aqui

 


 

O Macabeo espanhol

Faustino Rivero Ulecia Blanco Semidulce:

Fresco, suculento e frutado, com final redondo e doçura delicada; Produtor: Faustino Rivero Ulecia; Teor alcoólico: 11%; Uva: Macabeo (vinho varietal); Nariz: Aroma de frutas cítricas com notas de abacaxi e banana; Harmonização: Queijos, carnes branca e frutos do mar, aperitivos

Compre aqui

 


 

O Pinot Gris alemão

J. Meyer Pinot Gris Pfalz 2020:

Equilibrado, frutado e refrescante, com nuances de damascos maduros; Produtor: Moselland; Teor alcoólico: 12.5%; Uva: Pinot Gris (vinho varietal); Nariz: Notas intensas de peras maduras, com toques florais; Harmonização: Risoto de brócolis com Parmesão, bobó de camarão na moranga, espaguete de pupunha ao pesto de manjericão

Compre aqui

 


 

O Torrontés argentino

Goulart T Torrontés Small Production 2020:

Frutado, refrescante, delicado e com final cítrico; Produtor: Bodega Goulart; Teor alcoólico: 14%; Uva: Torrontés (vinho varietal); Nariz: Elegante combinação de frutas brancas, com notas florais e um toque mineral; Harmonização: Peixes, sushi, carnes brancas e queijos leves

Compre aqui

 


 

O Pinot Grigio brasileiro

Alísios Pinot Grigio 2021:

Fresco, macio, com acidez equilibrada e boa intensidade de fruta; Produtor: Miolo Wine Group; Teor alcoólico: 11,5%; Uva: Pinot Grigio (vinho varietal); Nariz: Pêssego abacaxi e flores brancas; Harmonização: Queijo coalho, risoto de frutos do mar, torta de legumes, moqueca de banana da terra

Compre aqui

 


 

O Chardonnay sul-africano

Pearly Bay Dry White Crisp & Fruity:

Frutado, refrescante e com dulçor equilibrado; Produtor: KWV; Teor alcoólico: 12%; Uva: Chardonnay (vinho varietal); Nariz: Frutas tropicais como abacaxi, pêssego e manga; Harmonização: Quiche de legumes, risoto de queijo e salada de frutas

Compre aqui

 


 

O blend italiano

Biscardo Oropasso Originale Garganega-Chardonnay Veneto IGT 2020:

Paladar fresco, mineral, estruturado e bem equilibrado; Produtor: Biscardo; Teor alcoólico: 13%; Uvas: Garganega e Chardonnay (vinho blend); Nariz: Aroma delicado de flores, frutas cítricas e de polpa amarela; Harmonização: Risoto de espinafre, mariscos, penne à caprese

Compre aqui

 


 

O blend italiano

Terre di Mario Vino Bianco-Abboccato:

Estrutura harmônica, crocante e refrescante, com notas de frutas cítricas e final com sabor de amêndoa; Produtor: Progetti Agricoli; Teor alcoólico: 11,5%; Uvas: Várias uvas (vinho blend); Nariz: Nariz fresco e agradável, com notas de maçã, pêssego e flores de acácia; Harmonização: Peixes, carnes brancas, queijos leves

Compre aqui

 


 

O blend francês

Domaine Tariquet Classic Côtes de Gascogne IGP 2020:

Intenso, refrescante, frutado e com acidez vibrante; Produtor: Château du Tariquet; Teor alcoólico: 10,5%; Uva: Ugni Blanc, Colombard, Sauvignon Blanc e Gros Manseng (vinho blend); Nariz: Abundante, com notas de frutas cítricas e flores brancas; Harmonização: Sushi, charcutaria, queijo de cabra fresco

Compre aqui

 


 

O Pinot Grigio italiano

ZioBaffa Pinot Grigio 2020:

Corpo leve, equilibrado, refrescante e com final longo; Produtor: Castellani; Teor alcoólico: 12%; Uva: Pinot Grigio (vinho varietal); Nariz: Frutas cítricas como limão e abacaxi; Harmonização: Queijos leves, aperitivos

Compre aqui

 


 

O blend espanhol

Toro Loco D.O.P. Utiel-Requena Viura Sauvignon Blanc 2019:

Leve, fresco, cítrico, fácil de beber; Produtor: BVC Bodegas; Teor alcoólico: 12%; Uva: Sauvignon Blanc e Viúra (vinho blend); Nariz: Frutas brancas, frutas cítricas, floral; Harmonização: Risoto de limão siciliano, lula a dore com guacamole, supremo de frango, saladas diversas, cuscuz de legumes, e queijos frescos

Compre aqui

 


 

O Pinot Grigio italiano

Grigio Reale Pinot Grigio delle Venezie DOC 2020:

Fresco, frutado e leve; Produtor: Angelo Rocca e Figli Srl; Teor alcoólico: 12,5%; Uva: Pinot Grigio (vinho varietal); Nariz: Aroma fresco de pera, maçã verde e pêssego branco; Harmonização: Saladas, peixes e sopas

Compre aqui

 


 

O Chardonnay francês

Domaine Tariquet Chardonnay Côtes de Gascogne IGP 2020:

Rico, redondo, refrescante e frutado, com caráter floral e amanteigado; Produtor: Château du Tariquet; Teor alcoólico: 11,5%; Uva: Chardonnay (vinho varietal); Nariz: Notas intensas de frutas brancas e manteiga fresca, com leve toque de flores e baunilha; Harmonização: Peixes grelhados com legumes, risoto funghi com alho poró, queijos leves

Compre aqui

 


 

O blend italiano

Miliasso 4 Vites Bianco Piemonte DOC 2020:

Saboroso, macio, sedoso, frutado e persistente; Produtor: Dezzani Srl; Teor alcoólico: 12%; Uvas: Cortese, Chardonnay, Sauvignon Blanc e Timorasso (vinho blend); Nariz: Notas intensas de frutas brancas, com toques florais e minerais; Harmonização: Frutos do mar, pratos típicos da culinária italiana

Compre aqui

 


 

O Chardonnay italiano

Tormaresca Fichi d’India Chardonnay Salento 2019:

Fresco e vibrante, com sabor frutado e boa acidez no final; Produtor: Villa Antinori; Teor alcoólico: 12%; Uva: Chardonnay (vinho varietal); Nariz: Aroma de frutas, como pêssegos brancos, com notas de flores de amêndoa, tomilho, e lavanda; Harmonização: Peixes, saladas e aperitivos

Compre aqui

 


 

O blend português

Vallado Três Melros Branco Douro DOC 2019:

Boa estrutura, refrescante, mineral, com sabor equilibrado e persistente; Produtor: Quinta do Vallado; Teor alcoólico: 12%; Uvas: Rabigato, Códega, Viosinho, Gouveio, Arinto e Alvarinho (vinho blend); Nariz: Notas intensas de frutas brancas maduras com toques cítricos e florais; Harmonização: Caldo verde, bacalhau, caldeirada de peixe, sardinhas assadas

Compre aqui

 


 

O Torrontés argentino

Anko Torrontés 2019:

Corpo médio, untuoso, com boa acidez e um toque salino; Produtor: Estancia Los Cardones; Teor alcoólico: 12,2%; Uva: Torrontés (vinho varietal); Nariz: Notas florais, de flores brancas, logo acompanhadas por frutas brancas maduras e um toque mineral; Harmonização: Saladas com carnes brancas. Robalo grelhado na manteiga

Compre aqui

 


 

O blend português

C de Cabriz Branco:

Sabor frutado e bastante fresco; Produtor: Cabriz; Teor alcoólico: 12%; Uvas: Bical, Encruzado e Malvasia Fina (vinho blend); Nariz: Aroma intenso de frutas tropicais e flores de árvores de frutas cítricas; Harmonização: Aperitivos, comidas de origem asiática, cozinha mediterrânea

Compre aqui

 


 

O Grechetto italiano

Grecante Colli Martani Grechetto DOC 2019:

Sabor cheio, fresco e de longa persistência; Produtor: Arnaldo Caprai; Teor alcoólico: 13,5%; Uva: Grechetto (vinho varietal); Nariz: Aromas intensos de frutas tropicais, como o pêssego e notas florais; Harmonização: Aperitivos, pratos com peixes ou até carnes vermelhas mais leves

Compre aqui

 


 

O blend português

António Maçanita Palpite Reserva Alentejano Branco 2018:

Encorpado e com acidez bem marcada. Um vinho estruturado e com final de boca longo e fresco; Produtor: António Maçanita Winemaker; Teor alcoólico: 13%; Uvas: Arinto, Tamarez, Alicante Branco, Antão Vaz e Verdelho (vinho blend); Nariz: Limão siciliano, abacaxi, pera e um leve toque lácteo decorrente do processo de battonage; Harmonização: Frutos do mar, bacalhau com natas e carnes de aves

Compre aqui

 


 

O Chardonnay espanhol

Dinastia Manzanos Navarra Chardonnay:

Frutado, estruturado e muito equilibrado, com boa acidez e ótima persistência; Produtor: Manzanos; Teor alcoólico: 12,5%; Uva: Chardonnay (vinho varietal); Nariz: Frutas brancas maduras com toques florais e minerais; Harmonização: Aperitivos, frutos do mar e mariscos, peixes grelhados, vegetais

Compre aqui

 


 

O Chardonnay francês

Ropiteau Frères Mersault 1 Cru Les Cras Blanc 2015:

Intenso, médio corpo, acidez agradável, mineral; Produtor: Ropiteau Frères; Teor alcoólico: 13,5%; Uva: Chardonnay (vinho varietal); Nariz: Abacaxi maduro, pêssego, mineral, leve amadeirado; Harmonização: Lagosta grelhada, linguado ao molho de camarão, risoto de ervas finas, camarões salteados com legumes, canapés de salmão, penne ao pesto

Compre aqui

 


 

O Antão Vaz português

Gloria Reynolds Branco 2018:

Boa acidez, corpo de leve para médio, mineral, bom final; Produtor: Reynolds Wine Growers; Teor alcoólico: 13,5%; Uva: Antão Vaz (vinho varietal); Nariz: Frutas brancas, frutas amarelas, mineral, cítrico; Harmonização: Caldeirada de mariscos, risoto de alho poró, posta de bacalhau ao forno, atum grelhado, canapés de salmão defumado, peixe assado com legumes

Compre aqui

 


 

O blend espanhol

A Galet Blanco:

Boa acidez, equilibrado e final longo; Produtor: Bodegas D. Mateos; Teor alcoólico: 12,5%; Uvas: Tempranillo Blanco e Verdejo (vinho blend); Nariz: Grama cortada, frutas cítricas, pêssego branco; Harmonização: Peixe assado na folha de bananeira, espetinho de camarão, frutos do mar, arroz com brócolis, burrata, massas, saladas

Compre aqui

 


 

O Marsanne francês

M. Chapoutier Mure de Larnage Hermitage AOC 2011:

Equilibrado, acidez discreta e bom corpo; Produtor: M. Chapoutier; Teor alcoólico: 14%; Uva: Marsanne (vinho varietal); Nariz: Perfume delicado de flores; Harmonização: Frutos do mar, massas ao molho branco

Compre aqui

 


 

O Viognier francês

M. Chapoutier Schistes d’Agrumes Condrieu AOC 2018:

Encorpado, fresco e com notas que remetem aos aromas; Produtor: M. Chapoutier; Teor alcoólico: 14%; Uva: Viognier (vinho varietal); Nariz: Perfume intenso de flores; Harmonização: Queijo brie, risoto de limão siciliano

Compre aqui

 


 

O europeu

Lalie Blanc:

Fresco, leve e fácil de beber; Produtor: Grupo Castel; Teor alcoólico: 11%; Várias uvas; Nariz: Frutado e fresco com notas de frutas cítricas; Harmonização: Petiscos leves, frutos do mar

Compre aqui

 


 

O blend francês

Enclos du Wine Hunter Bordeaux Blanc 2019:

Leve, acidez agradável, frutado, fácil de beber, boa persistência; Produtor: Enclos du Wine Hunter; Teor alcoólico: 12,5%; Uvas: Sémillon, Sauvignon Gris e Sauvignon Blanc (vinho blend); Nariz: Notas cítricas, floral, maçã, pêssego; Harmonização: Pizza caprese, risoto de limão siciliano, isca de tilápia, burrata ao pesto, pipoca salgada, salada caesar

Compre aqui

 


 

O Marsanne francês

M. Chapoutier Crozes-Hermitage AOP 2018:

Encorpado e delicado, com leve frescor e bastante aromático; Produtor: M. Chapoutier; Teor alcoólico: 13,5%; Uva: Marsanne (vinho varietal); Nariz: Maçã verde, flores, frutas e aromas cítricos; Harmonização: Peixes, frutos do mar, carnes brancas e queijos moles

Compre aqui

 


 

O Pinot Grigio italiano

Masi Modello Bianco:

Refrescante, macio e agradável, com acidez equilibrada e toques frutados; Produtor: Masi Modello; Teor alcoólico: 12%; Uva: Pinot Grigio (vinho varietal); Nariz: Notas intensas de frutas brancas e cítricas, com toques florais; Harmonização: Risotos, moquecas, massas com molhos leves, pratos à base de peixe

Compre aqui

 


 

O blend português

Pedro Teixeira Branco:

Frutado, fresco e harmonioso; Produtor: Adega de Cantanhede; Teor alcoólico: 12%; Uvas: Maria Gomes, Bical e Arinto (vinho blend); Nariz: Frutas cítricas, lima, limão; Harmonização: Charcutaria ligeira, carnes brancas grelhadas ou guisadas, mariscos e peixes assados

Compre aqui

 

Comentários:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos Relacionados:

17 uvas tintas que você precisa conhecer 2
Difícil escolher algumas poucas uvas tintas viníferas. De fato, faltaria tempo de vida para descobrir todas! Você decidiu...
Os 8 principais produtores da Cabernet Sauvignon
Hoje vamos falar sobre a rainha das uvas tintas: a Cabernet Sauvignon. Essa uva incrível, como mostra o...
Temperos e especiarias - Como combiná-los com vinhos?
Combinar temperos e vinhos não é tão difícil e podemos provar! Confira as características mais marcantes e os...
Azeites - Harmonização com vinhos e benefícios à saúde 5
Saber usar bons azeites faz toda a diferença na hora de cozinhar. Mas, tão importante quanto entender a...
Como fazer vinho quente? 8 Receitas incríveis!
O friozinho de junho pede por vinho quente, seja de vinho tinto ou branco Inverno, frio, festa junina,...
Tournedo Rossini - Receitas e harmonização com vinhos
Mais espesso que o medalhão, o Tournedo Rossini é um clássico francês que ganhou o mundo Como um...