O que é bodega de vinho?

Publicado em:

1 3

Se você é um amante de vinhos, está se aprofundando nos termos e conhecendo cada dia mais o maravilhoso mundo do produto da videira, você já deve ter encontrado o termo “Bodega” por aí. Aliás, aprender sobre vinhos aprimora o vocabulário e abre a mente para diferentes culturas, já que cada país empresta para a bebida novos termos e definições. Às vezes, até algumas variedades de uvas recebem nomes diferentes dependendo do país onde é cultivada, como a uva Grenache, por exemplo.

Além disso, enquanto aprecia bons vinhos, você já imerge em culturas e histórias impressionantes, ampliando seus horizontes. Em alguns casos, porém, esse aprendizado pode causar alguma confusão. Para os brasileiros, por exemplo, bodega não tem muito a ver com esse universo refinado e elegante da vitivinicultura, certo? Então, o que é bodega de vinho? Como elas são conhecidas em outros países? E, por fim, existem bodegas na América do Sul? Descubra a seguir todas as respostas. Mas, para esclarecer as coisas, entenda também o que significa o termo no português popular.

O que é bodega no mundo do vinho

Bodega

Antigamente, a palavra bodega também se referia às tabernas, onde vinho era consumido em grande quantidade pelos visitantes nada elegantes.

De fato, a palavra bodega tem raízes no espanhol e no Brasil, geralmente se refere a um armazém, a famosa venda da esquina. Ali, a vizinhança encontra quase tudo que tem ligação com o cotidiano local, sejam itens alimentícios, produtos de limpeza e até pequenos materiais de construção. Ou seja, é um termo bem genérico e abrangente. A palavra bodega no mundo do vinho, porém, tem mais a ver com o significado original da palavra. Afinal, no espanhol, bodega quer dizer porão, um depósito ou loja onde se vendia vinho em pequenas porções. De acordo com um site de expressões populares, a palavra também estava ligada a locais não muito atraentes, como aquelas tabernas que vemos em filmes, onde circulam clientes de caráter duvidoso.

Trocando em miúdos, bodega de vinho se refere à vinícola e é uma palavra muito comum para quem convive nesse universo incrível da vitivinicultura. Aliás, garrafas de vinhos vindas de países como Argentina, Chile e Uruguai, costumam trazer a palavra no rótulo, identificando o local de origem da bebida. Ao mesmo tempo, os vinhos vindos da Espanha, terra natal da palavra bodega, também utilizam o termo em suas informações impressas.

Na verdade, tudo começou nas vinícolas espanholas e a tradição se espalhou, ao passo que o país foi colonizando terras ao redor de seu território e até outros continentes. Afinal, o termo cabia bem como definição dos porões onde o vinho seria guardado. No entanto, nem de longe as bodegas lembram aquela visão bagunçada e suja das tabernas. Pois, como produto importante que é, o vinho costumava ser armazenado em porões totalmente adaptados para que a incidência de luz, calor e umidade fossem mantidas dentro dos limites necessários para a armazenagem do líquido precioso.

Sinônimos de bodega

bodega

Na verdade, bodega nada mais é do que outro nome para vinícolas.

Até aqui, vimos que bodega é uma palavra relativamente comum em países da América do Sul, como uma alternativa às palavras “vinícolas” e “vinhas”. Em outros continentes, porém, as bodegas possuem outros nomes. Já leu ou ouviu falar sobre tenutas, vinhas, châteaus ou quintas? Pois, cada uma delas é usada da mesma forma que a palavra bodega.

Na França, por exemplo, você vai encontrar mais de um termo para substituí-la. Então, pode ser que encontra as palavras château, que quer dizer castelo ou domaine que significa campo. De fato, tudo depende de onde você está, em Bordeaux ou na Borgonha. Acontece que na região de Bordeaux, você vai encontrar lugares onde a parte principal de uma grande vinícola é chamada de château. Na região da Borgonha, porém, é mais comum que as propriedades sejam conhecidas como campo, ou domaine.

Já em Portugal, outro país do Velho Mundo, existe a famosa palavra quinta, que se refere às vinícolas localizadas em campos rurais, mas que possuem moradores no local. Ao mesmo tempo, pode dar nome às áreas de plantio dos vinhedos. Por outro lado, se seu passeio for pela Itália, ou pelo menos se seu vinho vem de lá, pode ser que se depare com o termo tenutas, usado para definir propriedades vinícolas em qualquer parte do país.

As bodegas da América do Sul

Já que ficou claro que bodega é apenas outro nome para vinícolas, a América do Sul oferece inúmeras opções de bodegas para visitação e que produzem vinhos incríveis. A partir de agora, você vai saber quais são algumas das mais famosas bodegas da América do Sul.

bodegas

Diversas bodegas na América do Sul recebem visitantes para passeios inesquecíveis.

Bodega Carmelo Patti

Localizada em Mendoza, na Argentina, a Bodega Carmelo Patti trabalha as uvas Cabernet Sauvignon e Malbec com perfeição. Mas, seu carro-chefe são os vinhos com maior potencial de guarda. Então, para garantir que sejam equilibrados e sutis, a bodega prefere não investir tanto em armazenar seus vinhos em madeira ou produzir rótulos extremamente concentrados. Como resultado, seus vinhos são cheios de sabor e complexidade, mas também delicados.

Bodegas Staphyle

Localizada em uma propriedade da década de 1930, em Carrodilla, na região de Mendoza, na Argentina, a Bodegas Staphyle é a materialização de um sonho antigo da família Porretta: ter sua própria vinícola e produzir vinhos. Aliás, o local é hoje mais do que uma simples vinícola. Pois, visando criar vinhos finos e de alta qualidade, a família também investiu na estrutura física de sua propriedade. Como resultado, a Bodegas Staphyle possui tecnologia de ponta e um time de enólogos especialista, mas também utiliza métodos tradicionais para a produção de seus rótulos. Atualmente, a produção é exclusiva de uvas Bonarda, Sauvignon Blanc, Chardonnay, Cabernet Sauvignon e Malbec. Além disso, o local é lindo e vale a visita.

Bodega Louis Antoine Luyt

bodega

Algumas bodegas no Chile, se especializaram em castas específicas como a País e a Malbec.

No Chile, a Bodega Louis Antoine Luyt, um corajoso produtor. Pois, foi o próprio Louis Antoine que investiu na produção de vinhos a partir de vinhedos da variedade País, trazida pelos colonizadores e muito comum no Chile. De fato, ele estava certo em sua ideia e revolucionou o mercado enológico no país partindo do Vale do Maule.

Bodegas Re

Por outro lado, se seu forte são os clássicos e coringas, a Bodegas Re é para você. Pois, o foco da propriedade é produzir vinhos incríveis à base de uvas Pinot e Chardonnay. No entanto, não conte com caretice, pois o local é conhecido por sua criatividade e originalidade na criação de vinhos maravilhosos. Dentre os métodos usados, por exemplo, estão o armazenamento da bebida em ânforas (recipientes de barro) que já contabilizam mais de cem anos de idade. Sem falar que ele foi o primeiro a se aventurar a cultivar uvas no Vale de Casablanca.

Bodega Bouza

A Bodega Bouza também é aberta à visitação. Nesse caso, você poderá fazer um passeio pelos vinhedos, onde são cultivadas diversas cepas importantes para a vitivinicultura local, como Tannat, Trempanillo, Albariño, Merlot ou Chardonnay, por exemplo. Aliás, ela é considerada a maior vinícola do Uruguai e está localizada a cerca de 25 km de Montevidéu, onde capacidade de produção chega a 75mil litros da bebida por ano.

Bodega Norton

Em Mendoza, na Argentina, é possível visitar a Bodega Norton. De fato, o local é também conhecido por sua tradição na produção de vinhos. Ao mesmo tempo, o atendimento ao cliente é diferenciado, oferecendo ao visitante a oportunidade de experimentar seus vinhos à base de uvas Merlot e Malbec.

4 2

Agora que você já conhece mais um termo dos muitos usados no mundo do vinho, descubra diversas outras curiosidades em nosso blog e em nosso Instagram. Por exemplo, você sabe o que terroir? Para descobrir, clique aqui.

E abaixo, ofertas de vinhos de algumas das vinícola acima citadas:

 

O tinto Merlot argentino da Bodega Norton

Bodega Norton Barrel Select Merlot 2021:

Aveludado, taninos macios e final sedoso; Produtor: Bodega Norton; Teor alcoólico: 13,7%; Uva: Merlot (vinho varietal); Nariz: Complexo, com notas de cerejas silvestres e framboesas, toques de baunilha e coco; Harmonização: Lasanha à bolonhesa, fondue de carne, queijo Gouda

Compre aqui

 


 

O tinto Cabernet Franc argentino da Bodega Norton

Bodega Norton Reserva Cabernet Franc 2019:

Frutado e bem estruturado, com taninos firmes e notas herbais; Produtor: Bodega Norton; Teor alcoólico: 14%; Uva: Cabernet Franc (vinho varietal); Nariz: Aromas de frutas pretas, e notas amadeiradas e de especiarias; Harmonização: Carnes vermelhas grelhadas, massas recheadas, queijos maduros

Compre aqui

 


 

O tinto Merlot argentino da Bodega Norton

Bodega Norton Merlot Reserva 2019:

Untuoso e concentrado, com taninos macios; Produtor: Bodega Norton; Teor alcoólico: 14,4%; Uva: Merlot (vinho varietal); Nariz: Aromático, com notas de frutas vermelhas e pretas maduras, especiarias e café; Harmonização: Carnes vermelhas, massas com molho vermelho, queijos maduros

Compre aqui

 


 

O tinto Malbec argentino da Bodega Norton

Bodega Norton Barrel Select Malbec 2021:

Elegante, redondo, consistente e de bom corpo; Produtor: Bodega Norton; Teor alcoólico: 14,2%; Uva: Malbec (vinho varietal); Nariz: Expressivo, com notas maduros de ameixa e figo; Harmonização: Parrillada argentina, risoto de queijo Parmesão, cordeiro assado na manteiga de ervas

Compre aqui

 


 

O tinto Cabernet Sauvignon argentino da Bodega Norton

Bodega Norton Barrel Select Cabernet Sauvignon 2021:

Encorpado, harmonioso, redondo e persistente; Produtor: Bodega Norton; Teor alcoólico: 14,1%; Uva: Cabernet Sauvignon (vinho varietal); Nariz: Complexo, com notas de amoras, pimentas vermelhas, cassis e tabaco; Harmonização: Provolone empanado, escalope de filé mignon ao molho funghi, espaguete com ragu de linguiça

Compre aqui

 


 

O tinto Malbec argentino da Bodega Norton

Bodega Norton Elegido Malbec 2021:

Agradável, com taninos macios, e final longo e harmônico; Produtor: Bodega Norton; Teor alcoólico: 13,5%; Uva: Malbec (vinho varietal); Nariz: Aroma fresco, com notas de frutas vermelhas e ameixas; Harmonização: Parrillada argentina, galeto na brasa, empanadas

Compre aqui

 


 

O tinto Pinot Noir argentino da Bodega Norton

Bodega Norton Barrel Select Pinot Noir 2021:

Intenso, com toques de frutas vermelhas maduras e final persistente; Produtor: Bodega Norton; Teor alcoólico: 13%; Uva: Pinot Noir (vinho varietal); Nariz: Notas de frutas maduras e nuances de carvalho tostado; Harmonização: Batata recheada com mix de cogumelos, queijo Coalho assado, filé de frango à parmegiana

Compre aqui

 


 

O tinto Malbec argentino da Bodegas Staphyle

Bodegas Staphyle Silenio Malbec 2020:

Macio, com taninos limpos e final agradável; Produtor: Bodegas Staphyle; Teor alcoólico: 13,5%; Uva: Malbec (vinho varietal); Nariz: Notas intensas de cerejas e ameixas, com toques herbáceos e de especiarias; Harmonização: Carnes vermelhas assadas ou grelhadas, pratos à base de molhos leves

Compre aqui

 


 

O branco Sauvignon Blanc argentino da Bodega Norton

Bodega Norton Barrel Select Sauvignon Blanc 2021:

Complexo, estruturado, refrescante e frutado; Produtor: Bodega Norton; Teor alcoólico: 13%; Uva: Sauvignon Blanc (vinho varietal); Nariz: Intenso, com notas de maçã-verde, frutas tropicais e ervas frescas; Harmonização: Ceviche de camarão, estrogonofe de brócolis, lombo assado com legumes

Compre aqui

 

Comentários:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos Relacionados:

Temperos e especiarias - Como combiná-los com vinhos?
Combinar temperos e vinhos não é tão difícil e podemos provar! Confira as características mais marcantes e os...
Azeites - Harmonização com vinhos e benefícios à saúde 5
Saber usar bons azeites faz toda a diferença na hora de cozinhar. Mas, tão importante quanto entender a...
Como fazer vinho quente? 8 Receitas incríveis!
O friozinho de junho pede por vinho quente, seja de vinho tinto ou branco Inverno, frio, festa junina,...
Tournedo Rossini - Receitas e harmonização com vinhos
Mais espesso que o medalhão, o Tournedo Rossini é um clássico francês que ganhou o mundo Como um...
Cupom de descontos em vinhos especiais para pessoas especiais
Cupom de desconto em vinhos – Como usar? QUERODENOVO – 5% OFF Válido somente para compras e acima...
Rótulos premium ganham espaço no Brasil
Rótulos de vinhos premium estão cada vez mais presentes nas taças brasileiras O mercado de vinhos mudou no...