Receitas de quentão de vinho para a festa julina

Publicado em:

Receitas de quentão de vinho

Uma das maravilhas do inverno, aprenda tudo sobre o quentão de vinho!

Procurando receitas de quentão de vinho? Você veio ao lugar certo! Afinal, para o brasileiro fazer festa com muita comida típica, dança e bebidas que aquecem a alma só durante um mês é pouco. Aliás, não costuma ser uma festa pequena e só em família. Geralmente, as festas juninas e julinas reúnem vizinhos, família, escola, igreja e quem mais estiver por perto.

Por isso, as festas se estendem para o mês de julho também. E festa julina sem quentão nem tem o direito de ser festa, concorda? Pensando nisso, o Center Gourmet foi atrás da história dessa bebida tão aconchegante e que junto com outros preparos, já fazem parte do nosso arsenal contra o frio de julho.

No entanto, invejosos dirão que quentão de vinho é vinho quente. De fato, cada um faz com o seu vinho o que mais lhe faz feliz e pode chamar do que bem quiser. Mas, existe uma diferença básica entre eles e nós já vamos te contar.

A seguir, conheça um pouco mais sobre a história e influências da bebida, que se tornou parte da nossa cultura. Por fim, veja algumas receitas de quentão de vinho tradicionais e outras bem inovadoras para você variar os sabores, incluindo sugestões de receita de quentão sem álcool para quem não é fã de bebida alcoólica ou para quem quer oferecer para os pequenos também.

Quentão de vinho ou vinho quente – A história

Quentão de vinho

De origem incerta, o quentão se tornou presença obrigatória em festas juninas e julinas.

Antes de conhecer as receitas de quentão de vinho, vamos ver brevemente sobre as suas origens. Nesse caso, a única certeza que se tem é que a cachaça é para o Brasil, o que o vinho é para a França. Ou seja, parte intrínseca à história, cultura e gastronomia.

Por isso, o quentão ganhou popularidade à medida que o destilado ia sendo incrementado com cravo, canela, gengibre etc. Inicialmente, conta a história que a bebida chegou ao Brasil junto com os portugueses. Ao mesmo tempo, as comemorações em torno dos santos católicos São Pedro, São Paulo e São João ganhavam contornos culturais. Mas, os portugueses não foram muito originais nesse assunto. Afinal, eles herdaram a receita das suas visitas à Ásia, de onde trouxeram as especiarias, lembra?

No entanto, proporcional ao tamanho do nosso país, é a criatividade do nosso povo. Sendo assim, outras formas de preparar a bebida foram sendo desenvolvidas, levando em conta também que a cachaça não é unanimidade no paladar dos brasileiros. Ou seja, na região sul, onde predomina a vitivinicultura, a cachaça deu lugar ao produto da uva. Como resultado, nasceu o quentão de vinho, para nossa alegria!

Misturinha que deu certo

Basicamente, a diferença entre quentão de vinho e vinho quente está nos ingredientes que se adiciona ao preparo. Mas, existe uma certa licença poética, que permite essa flexibilidade e a influência de uma bebida na outra. Por isso, apesar de existir sim uma receita de quentão de vinho tradicional, você vai conhecer outras formas de preparar essa delícia, mas são todas igualmente maravilhosas.

Qual vinho usar na receita de quentão de vinho

De fato, como o coração da receita é o vinho, não seria bom utilizar uma bebida de baixa qualidade. Obviamente, você não precisa investir num Châteauneuf-du-Pape para que seu quentão de vinho seja divino. Mas, vamos combinar, o resultado não será dos melhores se o vinho escolhido não tiver o mínimo de qualidade. Aliás, para não errar na hora de escolher vinhos bons e baratos, clique aqui.

Consuma com moderação

Quentão

Quem não ama quentão de vinho no inverno?

Como de costume, as festas juninas e julinas são repletas de comidas simplesmente irresistíveis e que além de esquentar também aumentam a nossa pancinha. Mas, isso é um problema? Não necessariamente. Porém, é bom levar em conta que os ingredientes usados na receita do quentão de vinho acrescentam uma boa quantidade de calorias.

Para se ter uma ideia, normalmente, uma taça com 120ml de vinho tinto seco tem em média 150 calorias. Agora, adicione açúcar e frutas. Consequentemente, você terá uma bebida forte e com cerca de 120 calorias em apenas 60ml. Além disso, como o álcool acaba sendo mascarado pelo sabor doce do quentão de vinho, cuidado para não passar do ponto na quantidade e acabar ficando embriagado, a não ser que seja esse o objetivo, é claro.

Receitas de quentão de vinho

Receitas de quentão de vinho

Anteriormente, falamos sobre as muitas influências que a cultura regional tem sobre preparos tradicionais. Afinal, as diferentes receitas que encontramos no nordeste e no sul do país são prova dessa diversidade que enriquece nossa gastronomia. Por isso, confira a seguir diferentes receitas de quentão de vinho, com frutas, sem frutas, com álcool, sem álcool e até com gemada!

Detalhe: Atente para a ordem dos ingredientes. No final, isso faz toda diferença no sabor e na cor da bebida.

  • Quentão de vinho tradicional

Ingredientes

01 xícara de chá de açúcar

½ litro de água

02 a 04 pauzinhos de canela

01 litro de vinho seco

Cravo da Índia a gosto (cuidado com  o gosto forte, então é melhor pegar leve no início e acrescentar, se necessário)

Modo de preparo

Para começar, caramelize o açúcar. Mas, cuidado para não queimar e acabar deixando a bebida com gosto amargo. Por isso, assim que o açúcar derreter por completo, adicione a canela, o cravo da Índia e a água, com cuidado. A seguir, vá mexendo até que todo o caramelo derreta novamente, o que deve levar cerca de 10 a 15 minutos de fervura, deixando a bebida com uma cor âmbar linda! Por fim, desligue o fogo e acrescente o vinho seco. Prontinho! Já pode servir.

  • Quentão de vinho com cachaça ou Vodka

Ingredientes

01 ½ copo de açúcar

200ml de água (01 copo americano)

02 pauzinhos de canela

10 cravos (vá provando para ajustar o sabor)

10 rodelas de gengibre (também varia de acordo com seu gosto)

02 garrafas de vinho tinto seco (1500ml)

100ml de cachaça (½ copo americano)

Modo de preparo

De início, caramelize o açúcar, sem deixar queimar. Em seguida, acrescente a canela, o cravo e a água, fervendo por cerca de 10 minutos e mexendo sem parar até que o caramelo derreta por completo. Nesse momento, desligue o fogo e junte à mistura todo o vinho e a cachaça. Aliás, vale lembrar que essa receita de quentão de vinho tem alta concentração de álcool. Sendo assim, certifique-se de que o fogo está desligado antes de finalizar a bebida.

  • Quentão de vinho nordestino com abacaxi

Ingredientes

500ml de água quente

01 xícara de chá de açúcar

02 pauzinhos de canela

10 cravos da Índia

10 rodelas de gengibre

01 abacaxi pequeno/médio

01 garrafa de vinho seco (750ml)

Obs.: Para quem prefere uma bebida não tão doce, dobre a quantidade de vinho seco (1500ml)

Modo de preparo

Comece caramelizando o açúcar, tomando cuidado para que ele não passe do ponto e deixe a bebida com gosto amargo. Em seguida, acrescente ao caramelo o gengibre, a canela e o cravo da índia. Nesse momento, baixe o fogo e “cozinhe” o gengibre. Desse modo, ele solta água suficiente para que o caramelo não solidifique na próxima etapa e já vai transferindo todo sabor para a mistura. A seguir, acrescente o abacaxi e vá incorporando ao caramelo. Por fim, acrescente a água (que pode levar um pouco mais para cobrir o abacaxi) e ferva por mais 10 minutos. Para finalizar, desligue o fogo e junte o vinho seco.

  • “Crentão”

Atualmente, tem crescido a procura por preparos sem álcool. Por isso, carinhosamente apelidado de Crentão, essa versão não alcoólica do quentão de vinho serve bem quem não pode ou prefere não fazer uso de álcool. Além disso, é uma boa opção para festas com muitas crianças. Nesse caso, a receita pede a adição de frutas que vão dar um toque todo especial ao preparo. Confira!

Ingredientes

02 xícaras de açúcar

02 pauzinhos de canela

01 colher de sopa de cravos da Índia

1 ½ litro de água

01 laranja com casca, sem sementes

01 limão Taiti com casca, sem sementes

1 ½ litro de suco de uva integral

01 pedaço de gengibre em rodelas

Modo de preparo

Inicialmente, caramelize o açúcar, com cuidado para que não queime e deixe gosto de amargo na bebida. A seguir, junte ao caramelo a canela, o cravo, a água e as frutas, que devem estar higienizadas, com casca e cortadas em rodelas de 0,5cm, sem sementes. Ao mesmo tempo, adicione o gengibre nesse momento, para iniciar a fervura. Para terminar, após 10 minutos de cozimento, acrescente o suco de uva integral e ferva por mais 20 a 30 minutos, para reduzir. Já pode servir!

Se aqueça nesse inverno com quentão de vinho

Receitas de quentão de vinho

Melhor do que quentão de vinho, só ter família e amigos para acompanhar a bebida.

Você viu no Center Gourmet, que criatividade é o que não falta na hora de inventar novas maneiras de preparar receitas de quentão de vinho. Para completar, você pode fazer do jeitinho gaúcho, que leva uma bela colherada de merengue ou de gemada para finalizar a bebida na caneca! Com certeza, alguma dessas receitas vai agradar o seu paladar e alegrar seu coração durante o inverno.

Você não sabe como combinar vinho com seus pratos preferidos? De fato, não tem nada pior do que oferecer um jantar e não saber como harmonizar a bebida com o preparo, concorda? Então, clique aqui, para ter acesso a todo conteúdo incrível que o Center Gourmet preparou para que você fique fera na arte de combinar comida e vinhos.

 

Comentários:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos Relacionados:

Tábua de frios e harmonias com vinhos
Introdução Os cortes frios são uma ótima maneira de acrescentar um elemento extra especial à sua festa. Se...
Carpaccio, a receita veneziana e suas harmonias com vinhos
Carpaccio é uma das receitas mais famosas da cozinha veneziana. Ela consiste em carne crua, e seu nome...
Vinho Lambrusco, a jóia de Emilia-Romagna
Introdução O Lambrusco é um vinho único que é difícil de categorizar. Apesar de ser uma uva tinta,...
5 batatas gourmet para harmonizar com vinho
Introdução Se você adora batatas, então sabe que elas podem ser cozidas de milhões de maneiras diferentes. Quer...
17 uvas tintas que você precisa conhecer 2
Difícil escolher algumas poucas uvas tintas viníferas. De fato, faltaria tempo de vida para descobrir todas! Você decidiu...
Os 8 principais produtores da Cabernet Sauvignon
Hoje vamos falar sobre a rainha das uvas tintas: a Cabernet Sauvignon. Essa uva incrível, como mostra o...