Anka Pargua Maipo Valley 2015

Publicado em:

Jean Pascal Anka Pargua 2015 - Oferta

*Para comprar no site parceiro, clique na imagem acima

Vinho tinto chileno

Volume: 750 mL
Região: Maipo
Safra: 2015
Boca: Frutado, equilibrado em acidez, robusto com taninos presentes e aveludados
Produtor: Viña Pargua LTDA – Viña Clos Quebrada de Macul
Uvas: Cabernet Sauvignon (70%), Cabernet Franc (12%), Merlot (10%), Carménère (5%) e Petit Verdot (3%)
Teor alcoólico: 14%
Serviço: 16°C
Potencial de guarda: 2024
Nariz: Frutas vermelhas, como cereja e ameixa, notas de cassis e hortelã com fundo especiado
Visual: Vermelho-rubi intenso
Amadurecimento: 30% do vinho passou 12 meses em barricas de carvalho e 70% passou 18 meses em tanques de aço inox
Tipo de fechamento: Rolha de cortiça
Harmonização: Carnes de caça, massas com molhos cremosos e queijos maduros
Premiações/Pontuações: 90 pontos pelo crítico Robert Parker

Gradação de 0 a 10

Doçura: 2
Tanino: 8
Acidez: 8
Frutado: 8

Breve descrição:

Anka significa “favorecido, cheio da graça” em hebraico. Uma clara menção ao terroir privilegiado do Vale do Maipo chileno, que favoreceu o desenvolvimento ideal das 5 uvas de origem francesa clássicas, que com maestria foram combinadas para criar este blend único.

Vejam o porquê da Viña Clos Quebrada de Macul – grupo que a Viña Pargua faz parte – ser uma das boutiques mais bem sucedidas de todo o Chile.

Frutado, robusto com taninos presentes e aveludados, equilibrados por uma boa acidez, é um tinto perfeito para acompanhar carne de caça, uma tábua de queijos maduros, ou mesmo uma massa ao molho.

 

Sobre a vinícola:

O Clos Quebrada De Macul é uma vinícola de propriedade familiar montanhosa, criada em 1970, no momento em que era inédito no Chile plantar em locais de encostas mais difíceis de cultivar e de menor rendimento. As videiras plantadas são 80% Cabernet Sauvignon, que em seguida vem 20% de Merlot, Petit Verdot e Cabernet Franc.

Anteriormente, a colheita havia sido vendida para as principais vinícolas de todo o país, tornando-se a fruta mais cara do mercado. Isso motivou os proprietários, Isabelle e Ricardo Peña, a unir forças com o enólogo Ignacio Recabarren bem como com um investidor americano a iniciar sua própria vinícola.

A vinha de Clos Quebrada de Macul foi plantada posteriormente, em 1995, e é de longe uma das cinco principais vinhas do Chile para o Cabernet Sauvignon.

Uma parcela de 35 hectares localizada no sopé do leste do Alto del Maipo, Quebrada de Macul fica a 900 metros acima do nível do mar, uma elevação que traz então um balanço de 40 graus entre a temperatura da noite e do dia.

Magnificamente situadas, essas velhas vinhas nas encostas plantadas em 1965 produzem com efeito baixos rendimentos. As técnicas de vinificação não intervencionista de Macul significam portanto que toda ênfase é colocada no terroir.

O proprietário, Ricardo Pena, emprega o método de Jean-Pascal Lacaze para gerenciar as vinhas e fazer os vinhos. Como Lacaze acredita que “imperfeição é perfeição”, ele usa todas as parcelas e subparcelas, porque essa é a expressão absoluta do terroir da vinha.

Jean Pascal Lacaze desenvolveu um gosto precoce pelo vinho no momento em que o seu avô serviu o vinho de Bordeaux da família em sua mamadeira.

Durante seus anos de formação, Jean Pascal foi influenciado pela visão de seu avô em viticultura e vinificação, e assim Jean Pascal finalmente tentou sua mão na produção de vinho com várias propriedades em Saint Emilion.

Enquanto trabalhava, Jean Pascal recebeu seu mestrado em Economia em Montepelier, o que levou a uma oportunidade no Uruguai de treinar em administração de empresas.

Jean Pascal, porém, ouviu seus instintos e decidiu se tornar um fabricante de vinhos, consultando a Casa Filgueira, onde desenvolveu então o primeiro vinho premium da propriedade.

Depois de passar dois anos na América do Sul, Jean Pascal retornou a Saint Emilion para a colheita de 2002 no Chateau Plaisance, depois foi para o Chile para trabalhar no Clos Quebrada de Macul, que ficou muito conhecido pelo premiado Cabernet Sauvignon Domus Aurea.

Desde sua estreia em 1996, a marca Domus Aurea por sua vez ocupa um papel de liderança na recente história do vinho no Chile, apelando para a especificidade do local, baixos rendimentos e vinificação não intervencionista. Em 2003, Jean Pascal Lacaze ingressou na Domus Aurea como consultor e enólogo residente.

Referências: www.domusaurea.cl, www.tedwardwines.com

Veja a seguir mais rótulos da vinícola Viña Clos Quebrada de Macul

Para comprar no site parceiro, clique aqui

Comentários:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos Relacionados:

Vega Libre Tinto Bobal - Tempranillo 2020 - Oferta
*Para comprar no site parceiro, clique na imagem acima Vinho tinto espanhol – Vega Libre Tinto Bobal –...
Tenuta SantAntonio Fontana D.O.C. Soave 2020 - Oferta
*Para comprar no site parceiro, clique na imagem acima Vinho branco italiano – Tenuta SantAntonio Fontana D.O.C. Soave...
Fantinel IGT Trevenezie Refosco dal Peduncolo Rosso 2016 - Oferta
*Para comprar no site parceiro, clique na imagem acima Vinho tinto italiano – Fantinel IGT Trevenezie Refosco dal...
Calyptra Prestige 2018 - Oferta
*Para comprar no site parceiro, clique na imagem acima Vinho tinto chileno – Calyptra Prestige 2018 Para comprar...
Carnivor Cabernet Sauvignon 2018 - Oferta
*Para comprar no site parceiro, clique na imagem acima Vinho tinto americano – Carnivor Cabernet Sauvignon 2018 Para...
Paul Fargadel Blanc - Oferta
*Para comprar no site parceiro, clique na imagem acima Vinho branco francês – Paul Fargadel Blanc Para comprar...